Empresas aproveitam Pinterest para divulgar suas marcas

Rede social funciona como um quadro de avisos, “fixando” todo tipo de conteúdo em boards visuais

São Paulo – Com 4 milhões de usuários em tempo recorde, o Pinterest é certamente a rede social mais legal do último ano, e que deve gerar ainda muito o que falar em 2012.

É a primeira ferramenta dominada por mulheres, quase 60% da base, e aos poucos sendo descoberta também pelas marcas. Várias delas já estão lá, mas o exemplo mais bacana até agora é o da Gap.

Assim como aquele quadro de avisos na porta do seu prédio, a proposta do Pinterest é “fixar” todo tipo de conteúdo em boards visuais. O uso varia de acordo com a vontade de cada um: você pode guardar referências, artigos para ler mais tarde, livros que deseja ler, fazer listas de compras, itens para casa, organizar eventos, e por aí vai.

O que o perfil da Gap no Pinterest faz é atualizar um board com inspiração jeans, colecionando objetos e estilos inspirados pelo tecido.

O Travel Channel também é outro bom exemplo de uso da ferramenta, colecionando destinos de todo tipo em seu perfil.