Ducati ironiza o uso sexual da mulher na propaganda

Modelos de ensaio são os vendedores da concessionária Motocorsa utilizando trajes parecidos e fazendo as mesmas poses de uma modelo em anúncio

São Paulo – O gerente geral da concessionária Motocorsa, em Oregon, nos Estados Unidos, decidiu inicialmente utilizar uma técnica bem comum para promover o lançamento da Ducati 1199 Panigale, disponível no Brasil a partir de R$ 76 mil; usar imagens de uma mulher em poses sensuais ao lado da luxuosa e potente motocicleta.

Arun Sharma disse que conseguiu atingir os objetivos com a iniciativa, mesmo assim, teve gente que reclamou do excesso de sensualidade do ensaio promovido pela belíssima modelo Kylie Shea Lewallen. Sharma então resolveu contrariar a lógica e reverter a situação com um ensaio bem-humorado. Os modelos? Os vendedores da loja utilizando trajes parecidos e fazendo as mesmas poses de Kylie nos primeiros anúncios.

A sacada fez efeito de duas maneiras distintas: reverteu as críticas com humor e ironia e, de quebra, desbancou o estereótipo das propagandas de motocicleta, mostrando que o produto é ainda mais importante que os modelos que o promovem.

Confira as fotos do ensaio: