“Criminosos” agradecem quem divulga local de blitz em ação

A ação recebeu o nome de Operação Tweet e tem como objetivo refletir sobre as consequências do compartilhamento das informações sobre blitz

São Paulo – A RC Comunicação, com o apoio da ONG Não Foi Acidente, lançou uma campanha de conscientização para a Semana Nacional do Trânsito, que acontece do dia 18 ao dia 25 de setembro.

Nesse período serão criados perfis de falsos criminosos que enviarão mensagens de agradecimento após receberem a localização das blitz.

Os nomes são sugestivos, como Sequestrador, Traficante em Fuga, entre outros.

A ideia é mostrar que a divulgação através de aplicativos e de perfis nas redes sociais sobre a localização das blitz pode ajudar quem bebeu e quer dirigir, mas ajuda também a criminosos que querem escapar da polícia.

E a maioria das pessoas não quer que isso aconteça.

A iniciativa acontece em Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Goiânia, Porto Alegre e Salvador, além de algumas cidades da Califórnia, nos Estados Unidos.

A ação recebeu o nome de Operação Tweet e tem como objetivo refletir sobre as consequências do compartilhamento das informações sobre blitz.

A animação, que você verá abaixo, mostra um carro que passa por uma blitz e logo em seguida o condutor do veículo publica a informação, mas quem recebe é um criminoso que estava naquela direção e depois de ler a mensagem segue por outro caminho.

A agência explica que decidiu agir e criar perfis falsos de criminosos agradecendo a informação, pois ninguém se sente bem ajudando um criminoso.

//www.youtube.com/embed/6BdAMp3ydAE