Burger King dispensa embalagem do combo King Jr. no Brasil

Iniciativa deve reduzir consumo anual de mais de 119 toneladas de papelão

São Paulo – A partir deste mês de dezembro, a rede de fast food Burger King vai começar a retirar as caixas de papelão do combo King Jr., voltado para crianças. A empresa não revelou quanto irá economizar com a medida, mas ressaltou que a iniciativa tem como objetivo reduzir o consumo de 119 toneladas de papelão por ano e não está relacionada a corte de custos. “O maior objetivo não é o ganho financeiro e, sim, o compromisso com a sustentabilidade“, afirma o diretor de vendas e marketing da empresa no Brasil, Ariel Grunkraut.

Como os outros produtos da empresa, os sanduíches passarão a ser servidos diretamente na bandeja ou em sacos de papel (no caso do drive-thru), nas mais de 800 lojas da rede no país. O Brasil é o primeiro a dispensar a embalagem de papelão.

“Esperamos que os demais países adotem (a iniciativa) em breve também”, diz Grunkraut. A empresa continuará oferecendo os brindes junto com o King Jr. e o preço do combo continuará igual (atualmente, custa R$ 19,90; o brinquedo pode ser comprado separadamente por R$ 14,90).

Entre outras medidas relacionadas à sustentabilidade, o Burger King recentemente implementou um programa de reciclagem de óleo e de reutilização de água nos prédios próprios.

A companhia também trocou os canudos de plástico pelos biodegradáveis e de papel e substituiu o copo de isopor do drive-thru pelo de polipapel, reduzindo o consumo de mais de 80 toneladas de isopor anualmente.