4 entre 10 brasileiros não sabem o que comprar nesse Dia das Mães

Pesquisa exclusiva do Google Brasil revela dados sobre consumo na data e curiosidades sobre preocupações e planos dos brasileiros para homenagear mães

São Paulo – O Dia das Mães se aproxima, mas muitos brasileiros ainda não sabem o que comprar – ou o que dizer – para suas amadas.

A descoberta é de um novo estudo do Google Brasil sobre os hábitos de consumo na data que é a segunda mais importante do varejo no país e a terceira maior do varejo online, não muito atrás da Black Friday nacional.

A pesquisa, desenvolvida via Google Consumer Survey, foi feita com 1700 pessoas que representam demograficamente a internet brasileira (onde há 35 milhões de mães).

Os dados foram colhidos em abril e feitos a partir do Google Reward e de sites parceiros do Google.

Entre os entrevistados, filhos, maridos, familiares e qualquer um que deseja homenagear uma mãe.

Além do problema na hora de escolher presentes, a pesquisa revela outros dados curiosos, como a predileção pela lasanha na hora de cozinhar em casa, a busca frenética por cestas de café da manhã e também a falta de ajuda dos pais e maridos na hora de cozinhar no domingo.

Expectativas

A data em 2017 traz altas expectativas. Com a economia melhor (uma projeção de +0,5% do PIB em 2017, contra -3,5% em 2016), espera-se vendas maiores.

A liberação do FGTS também traz esperanças. Os saques devem injetar 9,3 bilhões de reais com objetivo de consumo no feriado.

Em 2016, 1,6 bilhão de reais em compras aconteceram no online e 5,7 bilhões de reais em compras off-line foram influenciadas pelo online. As cifras devem crescer em 2017.

Confira os principais resultados da pesquisa, cedida com exclusividade para EXAME.com.

Compras: expectativas em 2017 são altas para o Dia das Mães Compras: expectativas em 2017 são altas para o Dia das Mães

Compras: expectativas em 2017 são altas para o Dia das Mães (flil/Thinkstock)

Preocupações

Eis as maiores preocupações dos brasileiros na data em 2017:

  • 40%: a maior dificuldade é não saber o que comprar;
  • 25%: não saber o que dizer à mãe;
  • 11%: encontrar atividades para fazer com ela;
  • 9%: ter tempo de preparar a refeição para a mãe;
  • 8%: saber qual receita cozinhar;
  • 7%: organizar o evento/celebração da família.

O que comprar?

O online se destaca nas vendas, assim como o mobile. Em 2016, 20% das vendas online aconteceram via mobile.

Pelo smartphone, acontecem 58% das buscas sobre presentes de Dia das Mães.

Dados do E-Bit e do Google revelam as categorias dos itens mais vendidos no varejo online:

  • Eletrodomésticos e portáteis: 13,1%
  • Moda e acessórios: 12,9%
  • Livros: 12%
  • Celulares: 10,6%
  • Casa e decoração: 9,1%

Entre as categorias mais buscadas no Google (as que mais cresceram na semana anterior à data):

Pesquisa do Google sobre Dia das Mães 2017: categorias mais buscadas

 (Google/Reprodução)

O que dizer?

Depois do presente, o que dizer ou qual mensagem escrever é a principal preocupação do brasileiro.

48% dos filhos que estão sem dinheiro para comprar um presente optam por homenagear a mãe com alguma mensagem.

Inclusive, as buscas por “mensagens” aumentam nessa época do ano. As principais buscas relacionadas no Google são “mensagens, “mensagem de dia das mães”, “feliz dia das mães” e “feliz”.

No YouTube, não é diferente. As buscas por ideias de homenagens passam das 500 mil. E não faltam vídeos sobre o tema: uma busca revela mais de 356 mil vídeos sobre como homenagear mães.

Festa

74% dos consumidores brasileiros costumam festejar o Dia das Mães com um evento familiar. Como?

  • 47%: um almoço em casa (mulheres optam mais pelo evento caseiro)
  • 17%: ir a um restaurante (homens optam mais por comer fora)
  • 14%: um café da manhã especial
  • 13%: um jantar

E alguém ajuda?

Os filhos são os que mais preparam o almoço da família quando optam por comemorar em casa.

Mas as mães já vêm em segundo lugar entre as que preparam a refeição. Os pais/maridos são os últimos que ajudam, depois até da opção de comida delivery.

Lasanha: um dos pratos prediletos na hora de cozinhar no Dia das Mães Lasanha: um dos pratos prediletos na hora de cozinhar no Dia das Mães

Lasanha: um dos pratos prediletos na hora de cozinhar no Dia das Mães (Claudio Pinheiro/Divulgação)

Curiosidades

  1. Buscas por cestas de café da manhã sobem 300% na semana do Dia das Mães. Em 2016, foram 200 mil buscas duas semanas antes da data até a data. “Como montar uma cesta de café da manhã” também cresce nas buscas;
  2. O prato mais comum quando se prepara o almoço ou jantar em casa é a lasanha: 21%. Depois vem churrasco 14% e macarrão 7%. Lasanha é mais popular no Nordeste, enquanto churrasco é mais popular no Sul;
  3. 51% dos consumidores comprariam um prato congelado para preparar na data. Mas só 12% optariam por isso por não saber cozinhar. 25% só o faria se fosse um prato muito especial;
  4. Refrigerante é a bebida mais popular das comemorações, sendo a primeira opção de 58% dos entrevistados. Sucos vêm em segundo, com 43%. Cerveja é a terceira opção mais querida, com 29% de escolha.