Black Friday Brasil deve movimentar R$ 135 mi no e-commerce

Terceira edição nacional terá mais de 300 lojas virtuais com megaliquidações de até 80% de desconto. No ano anterior apenas 60 marcas participaram

Rio de Janeiro – A Black Friday Brasil deve movimentar R$ 135 milhões no comércio eletrônico amanhã, dia 23. A expectativa supera em 35% os resultados do evento de 2011. Neste ano, mais de 300 lojas virtuais participam com megaliquidações de até 80% de desconto. Entre elas estão WalMart, Magazine Luiza, Tam, Netshoes, Americanas, Próximo Games, Sepha, Compra Fácil, Shoptime, Submarino, Sephora, Imaginarium, HP, Dafiti e Extra.

A expectativa de algumas companhias participantes nas duas edições anteriores da Black Friday Brasil é que o faturamento seja superado. O WalMart, por exemplo, espera quadriplicar as vendas. Além de oferecer descontos de até 70%, a rede se aproxima dos consumidores com concurso cultural que levará um vencedor aos Estados Unidos. Com descontos de até 80%, a Dafiti pretende triplicar a média diária de vendas nas 24 horas do evento.

A Lojas Colombo ultrapassa a plataforma virtual e também terá serviço de televendas, ambos terão descontos de até 50%. Para se adiantar, o Extra inicia sua Black Friday ainda hoje, dia 22, a partir das 22 horas. O Ponto Frio espera bater recorde, com descontos de até 70% em 24 categorias diferentes. No Magazine Luiza serão mais de três mil produtos em promoção no Black Friday e a Tam terá ofertas para voos nacionais e internacionais.

O número de marcas envolvidas este ano é superior ao de 2011, quando pouco mais de 60 e-commerces fizeram parte do evento de origem norte-americana. Nos Estados Unidos, a data é tradicional e é realizada após o dia de Ação de Graças, comemorado hoje. As ofertas estarão disponíveis no site do evento durante as 24 horas do dia 23. Para ter acesso a essas ofertas, o usuário deverá acessar o site e se cadastrar.