10 anunciantes que usaram Pokémon GO nas redes sociais

Milhares de empreendimentos no mundo já entenderam o poder do jogo e criaram formas para aliar sua imagem ao aplicativo

A longa espera acabou. Pokémon GO estreou quarta-feira (03) no Brasil e os fenômenos são perceptíveis a cada quarteirão.

Só se fala nele, só se baixa este jogo e se repararmos atentamente até o modo das pessoas andarem na rua mudou. Desde ontem passou a ser comum pequenas aglomerações se dirigindo a um lugar que até então ninguém ia.

Já é assim em outras partes do mundo. Por aqui, as mudanças causadas pelo game estão apenas começando.

Pokémon GO, perceptivelmente, alterou relações, desde as econômicas até sociais. Milhares de empreendimentos e personalidades já entenderam o poder dos monstrinhos e criaram formas especiais para aliar sua imagem e estabelecimento ao aplicativo.

O lucro e aumento de engajamento para quem teve esta estratégia têm sido certo.

Percebendo isso, alguns mestres brasileiros em pioneirismo no social media já criaram seus posts e campanhas, unindo sua imagem com a dos bichinhos.

Separamos os 10 exemplos que mais gostamos até agora e criamos esta lista que comprova a cada item que a criatividade no Brasil nunca para de evoluir.

1 – Seguramente, a sacada deste social media despertou muitos corações aficcionados por Pokémon.

2 – Se for para entrar em uma jornada que seja com um carro novo. Foi esse o pensamento da Web Motors.

3 – Sempre é melhor prevenir. Vamos “caçar” pokémons, mas com responsabilidade e segurança. Esse é o recado do Metrô de São Paulo.

4 – Em tempos de eleições, toda estratégia é válida para capturar votos e armazenar eleitorado, porém poucos prefeitos sabem tão bem como usar as redes sociais como Alexandre Kireeff, de Londrina.

5 – O pior cego é aquele que não quer ver. O pior anunciante é o que não enxerga seu público. A melhor ótica em Pokémon GO e social media, até então, é esta aqui:

6 – Sabe qual a melhor forma de atrair clientes nos dias de hoje? Pondo um Dratini em cima do seu balcão.

7 – Estádios vazios no Brasil inteiro. Público preferindo permanecer no sofá do que na casa do seu time. A Associação Chapecoense de Futebol certamente não terá nenhum desses problemas por um bom tempo.

8 – Até as autoescolas se engajaram. Se preocupando com uma jornada mais segura, melhor aproveitamento do jogo e da vida.

9 – Interesse por causas sociais também são compartilhados por outros nichos e bichos.

10 – Uma boa publicidade não se faz com um grande budget, mas com uma ótima ideia. Para quem tem dúvidas, aí está um perfeito exemplo disso.

(Reprodução)