Zagallo envia apoio à seleção e diz que só faltam três

O campeão mundial em quatro oportunidades pediu raça e pegada ao grupo para que o time avance na competição

Teresópolis – Campeão mundial em quatro oportunidades, Mario Jorge Lobo Zagallo mandou uma mensagem de incentivo aos jogadores da seleção brasileira, horas antes do duelo com a Colômbia, nesta sexta-feira, em Fortaleza, no Castelão, pelas quartas de final da Copa do Mundo.

O símbolo do futebol brasileiro pediu raça e pegada ao grupo para que o time avance na competição.

“Vocês têm condições de mostrar que serão campeões do mundo. Contra a Colômbia, vocês vão jogar um futebol bonito, de pegada, de disposição maior ainda do que cada um possa fazer dentro de campo”, disse, em entrevista à TV Globo, para, em seguida, dar o seu palpite para o jogo desta sexta-feira, marcado para começar às 17 horas.

“Brasil e Colômbia, 2 a 0 Brasil, não pode ser diferente”, completou.

Esperançoso na conquista do título mundial pela seleção, Zagallo lembrou que faltam três vitórias para o Brasil ser campeão, repetindo a contagem regressiva que realizou na Copa de 1994.

“Cada um que botar a (camisa) amarelinha tem que ter garra, vontade de ganhar. Essa é minha e acabou. Só faltam três!”, concluiu.

Zagallo foi campeão mundial como jogador pela seleção em 1958 e 1962. Depois, dirigiu a equipe vitoriosa na Copa de 1970, além de ter sido o coordenador técnico do Brasil em 1994.

O Velho Lobo trabalhou em outras três Copas: em 1974 e em 1998, como técnico, e em 2006, também como coordenador.

Em maio, semanas antes do começo da Copa, Zagallo foi internado em um hospital com problemas na coluna. O veterano, de 82 anos, recebeu alta no dia 6 de junho, mas ainda não acompanhou nenhuma partida do torneio nos estádios.

Porém, mostrou, mais uma vez, que está dando ao seu apoio para que a seleção conquiste o sexto título mundial.