Tóquio revela mascotes da Olimpíada de 2020

Os dois projetos vencedores, de tons azul e rosa, representam "a tradição e a inovação" do país asiático

Tóquio – Dois personagens de estética futurista e inspirados pelo anime foram escolhidos como mascotes para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, em uma votação realizada em milhares de escolas de todo o Japão, segundo revelou nesta quarta-feira a organização do evento esportivo.

Os dois projetos vencedores, de tons azul e rosa, representam “a tradição e a inovação” do país asiático, segundo a definição da organização, e impôs uma grande diferença os outros dois personagens concorrentes, ganhando com 53% dos votos.

As mascotes vencedoras receberam um total de 109.041 votos, quase o dobro dos 61.423 do segundo lugar, que apresentava um estilo mais tradicional, representando o fogo e o vento, e muito longe da terceira colocada (35.291), composta por uma raposa – kitsune – e o guaxinim – tanuki -, duas criaturas do folclore japonês.

O resultado da votação foi anunciado hoje, em uma cerimônia realizada no colégio Hoyonomori, do distrito de Shinagawa (Tóquio), com a presença de centenas de estudantes, além dos autores dos desenhos.

Mascotes da Olimpíada de 2020, em Tokyo Designer dos mascotes da Olimpíada de 2020, em Tokyo

Designer dos mascotes da Olimpíada de 2020, em Tokyo (Toru Hanai/Reuters)

O ilustrador japonês Ryo Taniguchi, criador das mascotes vencedoras, levou um prêmio da organização e se mostrou “surpreso” e “grato” pelo resultado da votação.

O personagem azul escolhido para mascote dos Jogos Olímpicos “pode se deslocar para qualquer lugar instantaneamente”, enquanto a rosa, dos Paralímpicos, “pode falar com as pedras e com o vento”, explicaram os organizadores das Olimpíadas.

Aproximadamente 17 mil escolas do ensino fundamental do Japão participaram da votação, representando cerca de 70% dos colégios deste tipo no país, assim como alguns unidades japonesas no exterior.

Está previsto que o painel de seleção de Tóquio-2020 escolha o nome das mascotes nos próximos meses, com o qual pretende promover o envolvimento das crianças com o evento olímpico.

Os três finalistas foram escolhidos entre um total de 2.042 desenhos feitos em cidades de todo o Japão, antes da votação final entre os estudantes.

O comitê organizador já apresentou em abril de 2016 o logotipo eleito para as Olimpíadas, após descartar o emblema selecionado inicialmente por conta de um suposto plágio.