Tite diz que Brasil deve chegar “no mínimo à final” da Copa América

A frustração da seleção brasileira na Copa do Mundo da Rússia não diminuiu as expectativas do técnico Tite

Londres – A frustração da seleção brasileira na Copa do Mundo da Rússia, em que foi eliminada nas quartas de final para a Bélgica, não diminuiu as expectativas do técnico Tite em relação a seus comandados. O treinador disse, em entrevista coletiva nesta quinta-feira, que a equipe brasileira tem de chegar no mínimo à final da Copa América, que será disputada no próximo ano, no Brasil.

“Jogar muito bem e ganhar. No mínimo, chegar à final”, resumiu o técnico em relação ao que espera da seleção na competição que se inicia em junho e termina em julho. “(É fruto) da cultura de um país que transpira futebol. Eu também penso que, pelo nível dos atletas, precisamos chegar longe nas competições”, acrescentou Tite.

Uma das apostas do treinador para a competição que o Brasil não vence desde 2007 é o Richarlison. Destaque do Everton no Campeonato Inglês, o atacante brasileiro recebeu elogios de Tite.

“Ele surgiu muito rápido no Brasil, já com potencial, e continua se desenvolvendo. Tem uma cabeça muito forte. O poderio econômico dos clubes europeus faz com que eles consigam pegar esses jogadores e desenvolvê-los ainda mais”, considerou o comandante.

Antes de a Copa América chegar, o Brasil faz seus dois últimos amistosos deste ano contra Uruguai e Camarões, nesta sexta-feira e na próxima terça, respectivamente. O duelo contra os uruguaios será disputado no Emirates Stadium, casa do Arsenal, em Londres, e encara os camaroneses no MK Stadium, também na capital da Inglaterra.