Tesla investiga incêndio em Model S estacionado

Fabricante diz que fogo não se originou na bateria

São Paulo – A Tesla está investigando um caso de incêndio num Model S estacionado na garagem do proprietário. O caso ocorreu na cidade canadense de Toronto e, segundo o proprietário, não derivou de uma colisão – como em outras situações de incêndio envolvendo o elétrico.

Sete funcionários da fabricante foram enviados ao local para averiguar o modelo. De acordo com a Tesla, já foi verificado que o fogo não teve origem na bateria do Model S, tampouco no sistema de recarga. Mais informações serão divulgadas no decorrer da investigação.