Sean Penn filma documentário sobre jornalista Jamal Khashoggi na Turquia

Amigo de Khashoggi, Yassin Aktay divulgou uma fotografia na qual aparece com Penn na sede do partido governamental da Turquia

Istambul – O ator e diretor americano Sean Penn gravou nesta quarta-feira, 5, cenas em Istambul para um documentário sobre Jamal Khashoggi, o jornalista saudita assassinado no último dia 2 de outubro no consulado da Arábia Saudita nessa cidade turca.

“Conversamos com o famoso ator de Hollywood Sean Penn, que veio à Turquia para fazer um documentário sobre o assassinato de Jamal Khashoggi”, escreveu no Twitter Yassin Aktay, dirigente do partido governamental da Turquia, o islamita AKP.

Aktay, amigo de Khashoggi e um dos primeiros a impulsionar os protestos pelo crime, divulgou uma fotografia na qual aparece com Penn na sede do AKP.

Além disso, o jornal “Hürriyet” publicou fotografias que mostram o ator em frente ao consulado saudita em Istambul, cercado por uma equipe de gravação formada por dez pessoas.

Segundo o jornal, o americano também se encontrou com Hatice Cengiz, noiva de Khashoggi, que alertou sobre o seu desaparecimento no consulado.

Não foram revelados mais detalhes sobre o projeto de Penn, que ganhou dois Oscar como melhor ator e tem cinco longas-metragens como diretor, e é também conhecido por suas frequentes críticas à política externa dos Estados Unidos.