Retrato de Picasso é vendido por US$ 45 milhões em Londres

Preço da obra adquirida por 28,6 milhões de libras era estimado entre 25 e 35 milhões de libras

Um retrato que o artista espanhol Pablo Picasso pintou em 1932 de sua musa e amante Marie-Thérèse Walter foi vendido por 28,6 milhões de libras (45 milhões de dólares) em um leilão realizado na noite desta terça-feira em Londres, anunciou a casa Sotheby’s.

“Femme assise près d’une fenêtre” (Mulher sentada perto de uma janela), adquirido por um comprador anônimo que participou por telefone, ficou perto do mínimo de seu preço estimado de entre 25 e 35 milhões de libras.

O colorido retrato, que pertencia a um colecionador europeu, faz parte da valiosa série com a qual Picasso (1881-1973), casado então com a bailarina russa Olga Koklova, revelou ao mundo o seu relacionamento secreto com a jovem francesa pela qual se apaixonou perdidamente quando ela tinha 17 anos em uma retrospectiva organizada em Paris em 1932.

Outro quadro desta série, “Nu, folhas verdes e busto”, ostentou o recorde do preço mais alto já atingido em um leilão, quando em 2010 foi vendido por 106,4 milhões de dólares em Nova York, antes de ser desbancado em maio passado por “O grito”, de Edvard Much, com 119,9 milhões.