Reinaldo Lourenço dá show e encerra a São Paulo Fashion Week

Os vestidos, as saias, os boleros, as pelerines, as calças tipo torero e os paletós, alguns sem mangas, se destacaram na coleção

São Paulo – O ”show” do estilista Reinaldo Lourenço, levado à passarela com um sofisticado desfile em um teatro universitário, encerrou nesta quinta-feira a São Paulo Fashion Week, que chega ao fim após quatro dias nos quais foram apresentadas as tendências para o inverno de 2013.

Os convites em formato de ingresso para um show, a disposição do palco, o jogo de luzes individuais sobre as modelos e uma trolha sonora cinematográfica deram o tom do desfile de Lourenço, o único do quarto dia e que se inspirou na obra ”Moto/torero” do fotógrafo colombiano radicado em Nova York, Ruven Afanador.

Os vestidos, as saias, os boleros, as pelerines, as calças tipo torero e os paletós, alguns sem mangas, se destacaram na coleção, que sem deixar sua elegância, abriu espaço para algumas peças de ”motocross wear”.

Lourenço utilizou também as rendas valencianas, peças de couro, o tule e vidrinhos e cristais escondidos, que deram vida às peças. Na paleta de cores, destaque para o preto, combinações com off-white, vermelho areia e rosa queimado.

No final do desfile, Lourenço e as modelos foram aplaudidos de pé pelo público que lotou o Teatro da FAAP.

A São Paulo Fashion Week começou na segunda-feira com um desfile externo da marca Osklen, na Zipper Galeria, e prosseguiu no Parque Villa-Lobos, cenário que pela primeira vez recebeu o evento, realizado tradicionalmente no Pavilhão da Bienal do Ibirapuera.

Neste ano, além dos desfiles, o evento contou com uma exposição fotográfica paralela a cargo de Paula Raia e uma mostra em vídeo dos trabalhos das marcas Neón e Fernanda Yamamoto.

A 34ª edição da Semana da Moda de São Paulo marcou o início do novo calendário anual da vitrine mais importante da moda brasileira, que a partir de agora terá desfiles em março e outubro, em vez de janeiro e julho como era tradicional.