Quincy Jones diz que Michael Jackson plagiou canções

Lendário produtor musical que esteve por trás de grandes sucessos do rei do pop citou especificamente Billie Jean

Quincy Jones, o lendário produtor musical que esteve por trás de grandes sucessos de Michael Jackson, disse que o falecido Rei do Pop plagiou alguns de seus sucessos.

“Odeio entrar nisto publicamente, mas Michael roubou muitas coisas. Roubou muitas canções”, disse Jones em uma entrevista ao Volture, o site de cultura da revista New York.

Veja também

“As notas não mentem. Foi tão maquiavélico quanto é possível ser”, disse o músico de 84 anos.

Citou especificamente “Billie Jean” – uma canção assinada por Jones – e da produção “Thriller”, o álbum mais vendido de todos os tempos, sugerindo semelhanças com “State of Independence”, de Donna Sommer, que também foi produzida por ele e lançada meses antes, em 1982.

Jones também disse que Jackson era “ganancioso” e deveria ter dado crédito parcial da autoria de “Do not Stop ‘Til You Get Enough” ao tecladista Greg Phillinganes.