Quenianos voltam a dominar São Silvestre

Edwin Kipsang, de 25 anos, venceu a prova com o tempo de 43 minutos e 48 segundos, superando em quase um minuto sua marca do ano passado

São Paulo – O Quênia voltou a dominar a tradicional Corrida de São Silvestre disputada nesta terça-feira, com as vitórias de Edwin Kipsang Rotich, que se sagrou bicampeão, e Nancy Kipron.

Kipsang, de 25 anos, venceu a prova com o tempo de 43 minutos e 48 segundos, superando em quase um minuto sua marca do ano passado. Logo atrás, ficaram os seus compatriotas Mark Korir e Stanlei Koech.

Novamente, o melhor brasileiro foi Giovani dos Santos, que repetiu o quarto lugar do ano passado. Hoje, o brasileiro marcou o tempo de 44 minuitos e 50 segundos.

Entre as mulheres, Kipron, de 34 anos, cruzou a linha de chegada na Avenida Paulista em 51 minutos e 58 segundos. Completaram os três primeiros lugares, Kabede Netsanet Gudeta, da Etiópia, e Jackline Juma Sakilu, da Tanzânia.

A melhor brasileira foi Sueli Pereira da Silva, de 36 anos, que ficou com a sexta colocação.