País mais feliz do mundo, Finlândia quer ensinar o segredo — com tudo pago

O país considerado o "mais feliz do mundo" está em busca de viajantes com tudo pago para ensinar a receita da felicidade

São Paulo – A Finlândia foi considerada o país mais feliz do mundo pelo segundo ano consecutivo pelo World Happiness Report 2019. O motivo para tanta felicidade, segundo os próprios finlandeses, não pode ser mantido em segredo: o país quer levar estrangeiros para passar um período de três dias com anfitriões, com tudo pago,  a fim de ensinar a receita para ser feliz.

O projeto Rent a Finn (alugue um finlandês, na tradução livre para o português) conta com oito anfitriões, entre eles o prefeito da cidade finlandesa Rovaniemi. Entre as atividades que os viajantes farão para imergirem na cultura do país mais feliz do mundo estão a colheita de frutas, a pesca e o acampamento. 

Quem quiser participar deve se inscrever no site até o dia 14 de abril. A primeira etapa da seleção é a gravação de um vídeo de até três minutos, que deve conter um resumo da vida pessoal do concorrente, da sua conexão com a natureza e do porquê de ele querer viajar para a Finlândia. 

Veja também

Na segunda etapa, um formulário deve ser preenchido e nele deve-se incluir o vídeo gravado anteriormente. Depois disso, basta esperar que um dos oito anfitriões entrem em contato.

Alguns dos anfitriões conseguem acomodar até quatro pessoas em suas casas. A maioria, no entanto, se limita a dois visitantes.

Todos os custos da viagem serão cobertos pelo projeto, e a experiência será gravada. “Enquanto outros vão para a terapia, os finlandeses calçam um par de botas de borracha e seguem para a floresta”, diz o site.

Está esperando o quê para “alugar um finlandês”?