“Os Caça-Fantasmas 3” será filmado em 2015 sem Ivan Reitman

O cineasta irá criar uma lista com diretores que possam substituí-lo

O veterano diretor Ivan Reitman desistiu de dirigir a terceira parte da saga “Os Caça-Fantasmas” após a morte de Harold Ramis, mas seguirá vinculado como produtor ao projeto de Sony que começará a ser filmado em Nova York no início de 2015, informou nesta terça-feira o site Deadline.

Reitman, diretor dos dois filmes anteriores, anunciou sua decisão em entrevista concedida ao site, na qual confirmou que já existe uma minuta do roteiro que é “muito bom” e que o estúdio está “entusiasmado” com ele.

O cineasta antecipou que já se está trabalhando em criar uma lista curta com diretores para substitui-lo e, uma vez contratado o novo cineasta, começará a busca pelos novos protagonistas da saga.

“É uma versão de ‘Caça-Fantasmas’ na qual aparecem os (personagens) originais com um papel muito menor”, comentou Reitman, que reconheceu que sem Ramis no elenco não sentiu vontade para encarar a filmagem.

Harold Ramis morreu no último mês de fevereiro passado aos 69 anos por causa de complicações derivadas de uma vasculite, uma inflamação dos vasos sanguíneos que sofria há quatro anos.

Ramis era membro da equipe original de caçadores de fantasmas, junto com Dan Akroyd, Bill Murray e Ernie Hudson no filme de 1984, que teve uma sequência em 1989.

Apesar da popularidade da saga, da vontade do estúdio para completar uma trilogia e da existência de um primeiro roteiro do gosto de todos, Bill Murray se mostrou reticente a interessar-se pelo projeto, o que deixou o filme parado, mas o adeus de Ramis voltou a ressuscitar a ideia.

“Não vou dizer quantos caça-fantasmas haverá no novo elenco, mas estamos decididos a manter o espírito do filme original e estou agradecido que tudo isto tenha acontecido de forma natural”, disse Reitman.