O drink perfeito para a festa do Orgulho Gay: vodca e rosé

Sugerimos para sua festa do Orgulho Gay um brinde à pioneira Marsha P. Johnson

Este mês marca o 50º aniversário da revolta de Stonewall, evento amplamente considerado como o catalisador do movimento moderno a favor dos direitos dos gays, da comunidade LGBTQ + e de seus aliados: um momento histórico que vale a pena comemorar. As cinco décadas trouxeram um enorme progresso, com a descriminalização da homossexualidade em muitas partes do mundo, os avanços no tratamento da AIDS, o direito ao matrimônio nos Estados Unidos e muito mais. No entanto, ainda há um longo caminho a percorrer, especialmente quando se trata dos direitos dos transgêneros.

Com isso em mente, podemos sugerir – para sua festa do Orgulho Gay – um brinde à pioneira Marsha P. Johnson?

Johnson, ativista transgênero negra e parte do Hot Peaches, um grupo de performance, foi uma das instigadoras dos protestos de Stonewall e feroz defensora dos direitos do grupo LGBT até sua morte, em 1992. O P em seu nome significava “Pay It No Mins” (não preste atenção neles), um grito de guerra e livre de complexos. Nova York vai homenagear Johnson, assim como Sylvia Rivera, ativista transgênero, com um monumento permanente, um dos primeiros do mundo para pessoas trans.

Em sua homenagem, sugerimos um ponche rosa e frutado, mas poderoso. Pense nisso como uma bebida de comemoração de baixa caloria, uma vodca com refrigerante, tão popular que foi apelidada de “água gay”.

A infusão de chá de pêssego pode parecer assustadora no início, mas é uma receita fácil e de alto impacto para adicionar sabor às bebidas, e a vodca neutra é a base perfeita para isso. (Sinta-se à vontade para experimentar combinações de chá/bebida alcoólica, como chá verde e gim – ou chá preto e bourbon.) Adicione limonada, para uma acidez irresistível, e vinho espumante rosé para dar cor e um sabor extra. Em vez de exagerar no espumante, use água com gás como forma de aumentar a duração da bebida e evitar que seus convidados fiquem muito bêbados.

Em homenagem às flores que Johnson costumava usar no cabelo, orquídeas comestíveis estão disponíveis online. Vale a pena a extravagância para esta comemoração de 50 anos.