Novo museu para obras de Dalí resiste até a furacões

São Paulo – O novo museu que vai abrigar a maior parte da obra de Salvador Dalí fora da Espanha deve abrir suas portas no próximo ano. A arquitetura do local já chama a atenção pelas formas situadas entre o clássico e o fantástico e capazes de resistir até mesmo a furacões.
 
Destaque para a fachada do edifício, localizado na cidade de Saint Petersburg, na Flórida, Estados Unidos. O vidro parece flutuar no concreto e lembra, de acordo com a fundação que financia a obra, um "enigma geodésico". A parte interna é decorada com elementos que lembram a matemática e a ciência, duas das fascinações do pintor surrealista.
 
Quem assina a arquitetura é o renomado profissional Yan Weymouth, que projetou um sistema para proteger as obras de Dalí. Como a Flórida é atingida por vários furacões, as paredes do museu foram fortificadas com mais 45 centímetros de espessura e o aço na construção pode resistir a ventos de até 275 quilômetros por hora. O novo museu vai abrigar 2.140 obras de Salvador Dalí.

Siga as notícias do site EXAME sobre Design no Twitter