Novo Fiat Uno 2015 desliga o motor sozinho em ponto morto

Hatch se torna pioneiro nacional do sistema Start&Stop e parte de R$ 30.990

São Paulo – Se você olhar para o exterior do Novo Uno 2015, talvez tenha dificuldade em perceber as mudanças cosméticas feitas pela Fiat no hatch. Elas existem, sim. Faróis e lanternas, bem como para-choques, para-lamas e grades, passaram por sutis reestilizações. Mas as grandes novidades do modelo podem ser percebidas ao adentrar na cabine.

A Fiat destaca o fato de o Novo Uno 2015 ser o primeiro carro produzido no Brasil a contar com o sistema Start&Stop (item de série na nova versão Evolution), muito comum em modelos importados e de segmentos superiores.

Voltado para a redução no consumo de combustível, ele desliga o motor do veículo quando estiver em ponto morto, bastando um toque na embreagem para retomar o funcionamento.

Outra inovação implantada no hatch é câmbio automatizado Dualogic Plus, disponível nas versões 1.4 Way e Sporting.

Em vez da tradicional manopla, os comandos passam a ser executados por meio de botões inseridos no console central, incluindo a escolha de modo manual ou automático e o acionamento da função Sport. Para trocas manuais, borboletas estão instaladas atrás do volante.

Um novo sistema multimídia, com tela de 3,5 polegadas, também confere ar mais tecnológico à cabine. Em versões mais avançadas, como aquelas equipadas com motor 1.4, a central oferece diversas informações de condução (distância percorrida, consumo médio, autonomia), temperatura do motor e externa, indicador de lâmpadas queimadas, dados sobre o áudio, entre outras. Já o rádio conta com entradas AUX e USB.

Em relação à motorização do Novo Uno 2015, não há qualquer modificação na comparação com o modelo anterior. Seguem disponíveis os blocos 1.0 flex, oferecendo 75/73 cavalos de potência (abastecidos com etanol/gasolina) e 9,9/9,5 kgfm de torque, e 1.4 flex, entregando 88/85 cv e 12,5/12,4 kgfm.

No total, são sete versões disponíveis. Veja abaixo os itens:

Attractive 1.0 (R$ 30.990) – direção hidráulica, airbag duplo, ABS, Lane Change, limpador e desembaçador do vidro traseiro, econômetro, ESS (sinalização de frenagem de emergência), Welcome Moving, brake light, para-choques na cor do veículo.

Way 1.0 (R$ 31.490) – mesmos itens da Attractive, agregando: barras longitudinais no teto, faróis máscara negra, grade dianteira na cor preto brilhante com anéis na cor prata, retrovisores com luzes indicadoras de direção integradas na cor do veículo, moldura nas caixas de roda na cor cinza, conta-giros, frisos laterais das portas com inscrição Way.

Way 1.4 (R$ 34.990) – mesmos itens da Way 1.0, agregando: apoia-pé para o motorista, comandos internos para abertura da tampa de combustível e porta-malas, computador de bordo A/B, console para porta-objetos no teto, porta-óculos, preparação para som, quadro de instrumentos com display de alta resolução, vidros elétricos dianteiros com one touch e antiesmagamento, travas elétricas nas portas, volante com regulagem de altura.

Way 1.4 Dualogic (R$ 37.970) – mesmos itens da Way 1.4, agregando o câmbio automatizado Dualogic Plus com borboletas para troca de marchas.

Evolution 1.4 (R$ 34.990) – mesmos itens da Attractive, agregando: sistema Start&Stop, apoia-pé para o motorista, comandos internos para abertura da tampa de combustível e porta-malas, computador de bordo A/B, console para porta-objetos no teto, porta-óculos, quadro de instrumentos com display de alta resolução, vidros elétricos dianteiros com one touch e antiesmagamento, travas elétricas nas portas, volante com regulagem de altura e rádio USB/MP3, grade dianteira na cor preto brilhante, maçanetas e retrovisores (seta incorporada) pintados na cor da carroceria.

Sporting 1.4 (R$ 36.650) – mesmos itens da Evolution 1.4 (exceto sistema Start&Stop e rádio USB e MP3), agregando: rodas em liga-leve exclusivas de 15 polegadas, faróis de neblina, ambiente interno na cor preta, para-choques com desenho exclusivo e dupla saída de escape central cromada.

Sporting 1.4 Dualogic (R$ 39.630) – mesmos itens da Sporting 1.4, agregando o câmbio automatizado Dualogic Plus com borboletas para troca de marchas.