Neymar brinca e diz que sonha com Messi no Santos

A maioria das perguntas foi sobre o seu nome ter sido incluído na pré-lista dos 23 indicados para a eleição do Bola de Ouro da Fifa

Santos – Neymar voltou a demonstrar nesta quinta-feira que não pretende mesmo sair do Santos antes da Copa da Mundo de 2014. Em entrevista coletiva na sala de imprensa do CT Rei Pelé, o craque disse que ficou feliz com os elogios que recebeu do argentino Lionel Messi, do Barcelona, e ao ser perguntado se sonha jogar ao lado dele, nem pensou para responder.

“Imagine ele (Messi) treinando aqui (no CT Rei Pelé). Seria um sonho e eu ficaria muito feliz”, disse, sorrindo. Pela primeira vez neste ano, o craque santista não teve de responder sobre as recentes especulações da imprensa da Espanha de que já estaria vendido ao Barcelona, com a apresentação marcada para janeiro de 2013.

A maioria das perguntas foi sobre o seu nome ter sido incluído na pré-lista dos 23 indicados para a eleição do Bola de Ouro da Fifa. “A felicidade é muito grande e não tem nem como explicar o sentimento de alegria por estar pela segunda vez consecutiva entre os 23 melhores do mundo. O meu objetivo nunca foi ser o melhor do mundo e sim disputar os melhores campeonatos do mundo e hoje estou pela segunda vez concorrendo”.

No ano passado, Neymar ficou em décimo lugar na eleição e acredita que os três finalistas de 2012 serão Iniesta, Cristiano Ronaldo e Messi, e que o argentino ficará com a bola de ouro.


O ano não foi dos melhores para o Santos, mas para Neymar vai tudo bem. Enquanto ao time restou apenas a obrigação de honrar a história do clube nos cinco jogos restantes do Campeonato Brasileiro, o mais badalado dos súditos do Rei Pelé ainda pode quebrar mais um recorde em apenas três anos de carreira. Com 38 gols, precisa de oito para chegar aos 46 e superar Serginho Chulapa (marcou 45 em 1983), tornando-se o maior artilheiro santista da história numa mesma temporada.

“Nada contra Serginho. Pelo contrário. Eu o respeito muito. Quando subi, ele me acolheu, brincava comigo. Mas, fico feliz com cada meta que alcanço e com cada gol que faço, embora não busque passar ninguém. As coisas acontecem naturalmente”, disse.

Neymar disse que espera jogar mais vezes pelo Santos em 2013, mas, político, avisou que faz questão de atender a todas as convocações para defender a seleção brasileira. Sobre os seguidos erros da arbitragem no futebol brasileiro nesta temporada, disse que um dos defeitos dos juízes nacionais é a prepotência. “Num dos últimos jogos, eu estava com a bola e o juiz, ao meu lado, gritava ‘fica em pé, fica em pé’. Soltei a bola e perguntei a ele: por que você está falando isso? São detalhes que não podem acontecer”.

Time escalado – Muricy Ramalho repetiu a escalação do treino da última quarta-feira na atividade desta quinta e confirmou o Santos para enfrentar o Cruzeiro, neste sábado, no Independência, com: Rafael; Galhardo, Bruno Rodrigo, Durval e Juan; Adriano, Arouca, Henrique e Felipe Anderson; Neymar e André.