‘Não é um escândalo, é crime sexual’, diz Jennifer Lawrence

Vazamento de imagens supostamente teria acontecido após invasões no iCloud não só de Jennifer Lawrence, mas de outras dezenas de celebridades

São Paulo – “Não choro mais sobre isso.” A atriz Jennifer Lawrence, de 24 anos, comentou pela primeira vez o vazamento de fotos íntimas suas em agosto.

Ela disse que pensou em mandar um comunicado à imprensa, mas não conseguiu.

“Toda vez que tentei escrever, eu chorava e ficava com raiva”, disse em entrevista à revista Vanity Fair.

“Eu comecei escrevendo pedindo desculpas, mas eu não tenho pelo que me desculpar. Eu estava em um ótimo, saudável e apaixonado relacionamento durante quatro anos. Foi à distância. Ou seu namorado vai olhar pornografia ou vai olhar você”, disse referindo-se a seu ex-namorado Nicholas Hoult.

O , chamado de “The Fappening” (um trocadilho entre “the happening”, um acontecimento, com “fap”, gíria para masturbação), supostamente teria acontecido após invasões no iCloud (serviço de armazenamento na nuvem) não só de Jennifer Lawrence, mas de outras dezenas de celebridades.

“Só porque sou uma figura pública, uma atriz, não significa que pedi por isso”, disse.

“É meu corpo e deveria ser minha escolha. O fato de isso não ter sido uma escolha minha é absolutamente nojento. Não acredito que vivemos num mundo assim.”

Para a estrela do sucesso de bilheteria Jogos Vorazes, “não se trata de um escândalo, é um crime sexual”.

“Qualquer um que tenha olhado aquelas fotos está perpetuando uma ofensa sexual. Você deveria se afundar em vergonha.”

Lawrence diz que tenta não depositar sua satisfação e alegria na possibilidade de as pessoas responsáveis pelo vazamento serem punidas “porque elas podem não ser”, mas faz um apelo.

“A lei precisa ser mudada, e nós precisamos mudar.”

“Por isso esses sites são responsáveis”, possivelmente se referindo a sites como Reddit e 4Chan, pelos quais a maioria das fotos foram distribuídas.

“Só pelo fato de que alguém foi sexualmente exposta e o primeiro pensamento que passa pela cabeça de uma pessoa é fazer lucro com isso. Isso é tão além de mim. Não posso imaginar sendo tão à parte da humanidade. Não consigo imaginar alguém sendo tão imprudente e negligente e tão vazio por dentro.” “Mas o tempo cura, sabia?”