Morre Maurice Herzog, primeiro homem a escalar 8.000 m

O alpinista francês faleceu aos 93 anos

Paris – O francês Maurice Herzog, primeiro homem a escalar uma montanha de mais de 8.000 metros, o Annapurna em 1950, faleceu aos 93 anos, anunciou nesta sexta-feira a Federação Francesa de Montanhismo e Escalada.

“Confirmo a morte de Maurice Herzog”, declarou por telefone à AFP um funcionário da federação, que recebeu a informação da prefeitura de Chamonix, cidade da qual Herzog foi prefeito entre 1968 e 1977.

Em 3 de junho de 1950, Herzog, acompanhado por Louis Lachenal, alcançou o topo do Annapurna (8.091 m), no Himalaia, e se tornou o primeiro ser humano a atingir 8.000 metros.

Herzog também foi membro do Comitê Olímpico Internacional (COI) entre 1970 e 1995 e foi secretário de Estado de Juventude e Esporte (com grau ministerial) sob a presidência de Charles de Gaulle.