‘Minha vida virou um inferno’, diz amante de Ashton Kutcher

Pivô da separação do ator afirma que é odiada pela família e perdeu emprego

Não foi apenas Ashton Kutcher quem saiu perdendo — uns milhões de dólares e uma bela mulher — na separação com Demi Moore. Sara Leal, a modelo de 22 anos com quem o ator se envolveu, dando início à crise que culminou no fim do casamento, também acumula prejuízos. “Minha vida virou um inferno”, afirmou ela em entrevista à rede de TV americana Fox News.

Sara luta agora para provar que não é uma garota, digamos, com interesses espúrios. Ela alega que perdeu o melhor amigo, foi abandonada pela família e demitida do emprego em um escritório. “Meu pai não quer falar comigo e tenho recebido telefonemas perturbadores de familiares e amigos”, revelou ela.

Sobre Kutcher, ela não mediu palavras e acusou: “Ele estava louco. Eu não fazia ideia de onde estava me metendo”. Segundo Sara, ela não sabia que o astro da série Two And a Half Men estava casado quando os dois se divertiram por horas em uma festa regada a bebida e sexo. “As pessoas me dizem ‘eu não posso acreditar que você fez isso’. Eu quero dizer que a maioria das garotas de 22 anos faria a mesma coisa”.

Dedicada a limpar a propria imagem, Sara segue sua marcha de volta ao anonimato. De vistoso mesmo no caso, sobrou a fortuna de 200 milhões de dólares que será dividida pelo casal, atingido por um furacão loiro de 22 anos que agora se diz inocente e vítima das circunstâncias