Michael Jackson faz aparição póstuma em álbum do rapper Drake

No muito aguardado quinto álbum de Drake, lançado nesta sexta-feira (29), a voz do Rei do Pop pode ser ouvida no coro da canção "Don't matter to me"

Quase 10 anos depois de sua morte, Michael Jackson volta a aparecer em um novo álbum, “Scorpion”, do rapper canadense Drake.

No muito aguardado quinto álbum de estúdio de Drake, lançado nesta sexta-feira (29), a voz do Rei do Pop pode ser ouvida no coro da canção “Don’t matter to me”.

“Suddenly, you say you do not want me anymore / all of a sudden, you say I closed the door / I do not care” (De repente você diz que não me quer mais / mais do que de repente você diz que eu fechei a porta / eu não ligo), canta Jackson.

Drake não deu detalhes de como essa música foi produzida, embora saibam que Michael Jackson tinha vários trabalhos não terminados quando morreu, em 2009.

Outro dueto póstumo de Jackson com a estrela pop Justin Timberlake foi lançado em 2014, “Love never felt so good”.

Assim como em “Don’t matter to me”, nesta canção aparece o crédito do lendário cantor Paul Anka, autor de “Put your head on my shoulder”, álbum no qual Jackson e Anka trabalharam juntos em 1983.

Esse projeto foi colocado de lado após o sucesso de “Thriller”, que tornaria o álbum mais vendido da história.

“Scorpion” é lançado logo após a morte de Joe Jackson, pai de Michael, Jermaine e La Toya Jackson.

Em uma entrevista no ano passado, Drake revelou que Michael Jackson foi um exemplo para ele, e também lamentou que o qualificassem de “rapper“.

Neste novo álbum de 25 canções, Drake segue fiel ao gênero do rap, o qual lhe converteu em um dos cantores mais vendidos dos últimos anos. Em algumas faixas chega a entrar no gênero pop.

Na música “Talk up”, na qual critica o presidente Donald Trump, conta com o rapper Jay-Z como estrela convidada.