Mesmo rompidos, Gabbana escreve 1ª carta de amor para Dolce

O relacionamento do casal terminou há anos, mas Stefano Gabbana resolveu demonstrar seu eterno amor para Domenico Dolce

Roma – O relacionamento do casal terminou há anos, mas o estilista Stefano Gabbana resolveu demonstrar por meio de uma carta seu eterno amor, ainda que um pouco “modificado”, para seu companheiro de vida e de profissão, Domenico Dolce.

A carta de amor foi divulgada nesta quarta-feira pelo jornal italiano “Corriere della Sera” e será lida no Festival das Cartas, que se realizará em Milão no final do mês.

Nela, Gabanna diz ter um “sentimento único” pelo antigo companheiro.

No final de 1999, Stefano Gabbana e Domenico Dolce, que já faziam sucesso nas passarelas do mundo, contaram pela primeira vez os detalhes de sua relação sentimental na revista “Sette”, gerando muitos comentários, “já que naquela época não era algo comum”, mas o gesto foi considerado normal e instintivo para eles, segundo explicaram na época.

Três anos depois da publicação, o casal se separou, embora o carinho e o sucesso da dupla na moda continuaram.

Hoje, 35 anos após o momento no qual se falaram pela primeira vez ao telefone, e apesar de não estarem mais em um relacionamento, Gabbana declarou que esta é sua primeira carta ao ex-companheiro: “As palavras são mais difíceis e têm um valor mais profundo, que será único como você e sempre será para mim”.

“Do nada criamos juntos a Dolce & Gabbana e com a força do nosso amor construímos tudo o que temos, nos apoiamos e superamos as dificuldades e os preconceitos”, afirmou o estilista.

“Graças ao sentimento que nos mantém unidos, inseparáveis um do outro, continuaremos vivenciando juntos alegrias e tristezas. É minha família”, acrescentou Gabbana.

“O amor que sentia apenas se transformou, mas continua me dando muitas e belíssimas sensações”, disse o estilista.

Gabbana explicou à revista que Dolce, muito mais tímido do que ele, não sabia da existência da carta até ela ser divulgada na imprensa.