Mansão de Michael Jackson volta ao mercado com desconto

Antes listado em U$100 milhões, a mansão recebeu um corte de U$33 milhões para não ficar encalhada

“É SÓ AMANHÃ!
PARQUE DE DIVERSÕES COMPLETO, MOBILIADO E DE FÁCIL ACESSO
COM DESCONTO INCRÍVEL DE U$ 33 MILHÕES”

Ok, não foi bem assim que aconteceu, mas o Neverland — histórica casa/parque de diversões criado por Michael Jackson — recebeu um grande desconto após anos no mercado imobiliário e passou  de U$100 milhões para U$67 milhões.

A propriedade localizada em Santa Barbara, nos Estados Unidos, tem 2.700 acres e deixou para trás o antigo nome: agora se chama Sycamore Valley Ranch, tudo para desencalhar no mercado.

A gigantesca propriedade foi comprada com a intenção de recriar a Terra do Nunca de Peter Pan. Para isso, o Rei do pop não poupou esforços para realizar seu desejo, construindo um lago, uma estação de trem “estilo Disney”, estábulo e estúdio de dança. Isso claro, sem contar a infinidade de animais que viviam no local na época de Jackson (hoje a propriedade conta “só” com lhamas e porcos, muito diferente dos elefantes que costumavam habitar o local). O terreno ainda conta com piscina, casa de hóspedes e quadras de tênis.

O local se tornou símbolo dos processos de pedofilia que Michael começou a enfrentar em 2005, tendo sido alvo de diversas perícias e procuras por parte da polícia americana. Após não conseguir pagar a hipoteca de U$24 milhões, a família Jackson decidiu vender a propriedade para a Colony Capital por U$ 22,5 milhões em 2009. Desde então, os novos donos vem desembolsando milhares de dólares anualmente para reformar e vender a infame Neverland.