Londres é a cidade olímpica mais preparada, diz prefeito

Boris Johnson afirmou também que os temores relacionados à segurança fazem parte da ansiedade para o início da competição, mas que não há porque se preocupar

Londres – O prefeito de Londres, Boris Johnson, afirmou nesta sexta-feira que sua cidade é a sede olímpica mais preparada da história dos Jogos e que os temores relacionados à segurança fazem parte da ansiedade para o início da competição.

Faltando duas semanas para o começo dos Jogos, Johnson afirmou que não há o que se temer, já que “Londres está melhor preparada para os Jogos do que qualquer uma das sedes anteriores”.

Depois da empresa de segurança privada G4S admitir que não poderia mais oferecer os 10 mil guardas que estavam estabelecidos no contrato, a ministra do Interior britânica, Theresa May, anunciou ontem o desdobramento de mais 3,5 mil militares para os Jogos, que deverá contar com um efetivo de 17 mil.

Apesar da polêmica, o prefeito conservador ressaltou que os Jogos de Londres serão “muito seguros”. Segundo Johnson, a presença do Exército fará com que tudo funcione bem. “Os Jogos serão muito seguros, e os preparativos realizados pela G4S e pelo Exército vão trazer bons resultados”, completou.

“Estamos ansiosos por causa da proximidade dos Jogos. É normal que as pessoas se concentrem nos aspectos onde pode haver imperfeições ou coisas a melhorar. Neste sentido, o transporte e a segurança sempre foram as principais questões”, acrescentou Johnson.

Assim como o transporte, a segurança foi uma das principais preocupações das autoridades britânicas na realização da terceira Olimpíada da história de Londres, a qual será realizada entre os dias 27 de julho e 12 de agosto.

O plano desenhado por Londres, que custará uns 1,2 bilhões de euros, envolverá mais de 42 mil pessoas, entre militares, policiais, agentes privados e voluntários em todo o Reino Unido.