Le Monde indenizará o Barcelona em 15 mil euros

Jornal foi punido pela justiça por uma matéria em que acusava o clube de usar doping nos seus jogadores

Barcelona – O jornal francês Le Monde indenizará em 15 mil euros o Barcelona por vincular, junto ao Real Madrid, o médico Eufemiano Fuentes, acusado por práticas de doping em um processo iniciado por causa da denominada Operação Puerto.

A sentença do Tribunal Supremo, à qual a Agência Efe teve acesso, ratifica a ditada em outubro de 2009 pela Audiência de Barcelona, que condenava o Le Monde a indenizar o clube catalão com a mesma quantidade, pois considerava uma intromissão ilegítima no direito à honra.

O Barcelona processou o jornal pelas informações publicadas nos dias 7 (em sua edição digital) e 8 (em sua edição impressa) de dezembro de 2006, nas quais citava como fonte ‘documentos confidenciais’ do próprio Eufemiano Fuentes para relacionar ambos os clubes com supostas práticas de doping de seus jogadores.

O Le Monde foi condenado em primeira instância a pagar 300 mil euros ao Barça e a publicar uma retificação tanto em sua edição digital quanto impressa.

O jornal francês recorreu da sentença, alegando que os tribunais espanhóis não eram competentes para julgar o caso, e que na ocasião já tinha publicado uma nota oficial do Barcelona desmintindo.

A Justiça atendeu parcialmente o recurso do Le Monde, reduzindo a indenização por danos morais a 15 mil euros, por entender que na Espanha o comunicado do clube desmentindo e do próprio Eufemiano Fuentes tinha tido mais repercussão na imprensa que a notícia publicada inicialmente pelo jornal. Além disso, limitou a obrigação de retificar a informação na sua edição digital.

A Corte Suprema confirmou agora em última instância a sentença da Audiência Provincial, incluindo a indenização de 15 mil euros.