Jornalista brasileiro ganha prêmio Gabriel García Márquez

Lúcio de Castro, da ESPN Brasil, foi o vencedor na categoria cobertura noticiosa por sua investigação sobre a relação entre o futebol e as ditaduras militares

Bogotá – Jornalistas de Brasil, México, Peru e Colômbia foram os ganhadores da primeira edição do prêmio Gabriel García Márquez, entregue nesta quarta-feira na cidade colombiana de Medellín (noroeste) pela Fundação para o Novo Jornalismo Iberoamericano (FNPI).

Na cerimônia foram anunciados os vencedores das categorias crônica e reportagem, imagem jornalística, cobertura noticiosa e inovação.

O jornalista brasileiro Lúcio de Castro, da ESPN Brasil, foi o vencedor na categoria cobertura noticiosa por sua investigação sobre a relação entre o futebol e as ditaduras militares do fim do século XX na América Latina.

O jornalista e escritor mexicano Alejandro Almazán, por sua vez, venceu na categoria crônica e reportagem com um texto publicado na revista Gatopardo sobre a guerra entre o grupo dos Zetas e o cartel de Sinaloa em uma região de seu país conhecida como La Laguna.

Na categoria imagem foi premiado o fotógrafo peruano Esteban Félix, correspondente da Associated Press (AP) na Nicarágua, por “Azúcar Amargo” (“Açúcar Amargo”), uma série fotográfica sobre uma misteriosa epidemia que mata milhares de pessoas todos os anos.

Finalmente, o site colombiano La Silla Vacía ganhou na categoria de inovação com seu “Proyecto Rosa”, que através de diversos formatos acompanha a aplicação da lei de vítimas do conflito armado colombiano.

A jornalista da Costa Rica Giannina Segnini, editora da unidade de investigação do jornal La Nación, também recebeu na cerimônia o prêmio Gabriel García Márquez de excelência jornalística, que já havia sido anunciado na terça-feira.

O prêmio de jornalismo García Márquez foi criado neste ano e seu júri foi composto por jornalistas como Héctor Abad Faciolince (Colômbia), Martín Caparrós (Argentina), Jean-François Fogel (França), Sergio Ramírez (Nicarágua), entre outros.

O prêmio concede uma recompensa de 15.000 dólares para os ganhadores e de 2.500 dólares para os dois primeiros finalistas.