Isaquias Queiroz bate recorde olímpico em classificação

Isaquias Queiroz bateu o recorde olímpico da canoagem durante a classificação para a final dos 200 metros

Rio de Janeiro — O brasileiro Isaquias Queiroz, medalhista de prata na prova de 1.000 metros da canoagem de velocidade nos Jogos do Rio, se classificou nesta quarta-feira para a final dos 200 metros com o recorde olímpico da prova.

Isaquias fez o tempo de 39s659, superando a marca do russo Ivan Shtyl, 40s346, obtida nos Jogos de Londres 2012. Isaquias, campeão mundial em 2013 e 2014 na prova de 500 metros, era uma das grandes apostas do Comitê Olímpico do Brasil (COB) para conquistar em casa uma medalha inédita para o país na canoagem.

Ele disputará também os 1.000 metros em dupla, na sexta-feira, ao lado de Erlon Souza. “Vou tentar mais essas duas medalhas, vou dar meu máximo”, disse Isaquias após a prova.

Nota de EXAME.com

O Comitê Olímpico Internacional não reconhece oficialmente recordes de canoagem por considerar que tempos obtidos em raias diferentes não podem ser comparados entre si. Fatores como vento, temperatura e a eventual presença de ondas podem influir no tempo obtido pelo atleta e tornar a comparação injusta.

Ainda assim, Isaquias Queiroz pode se vangloriar de ter o menor tempo na prova dos 200 metros em canoa.