Honda apresentará Civic com novo motor a diesel

Com tecnologia start-stop, marca reduz emissões de CO2

A Honda parece estar determinada a quebrar a barreira existente contra o motor diesel e seu nível de emissões de CO2 no meio ambiente. Isso porque a montadora divulgou que prepara uma versão europeia do Civic com propulsor 2.2 l, a diesel, e que emite 110 g/km.

Espera-se que a nova motorização equipe a próxima geração do Honda Civic, que será apresentada no Salão de Frankfurt, em setembro.

O propulsor i-DTEC desenvolve 148 cavalos de potência, o equivalente a 10 cavalos a mais que o atual Civic, equipado com motor 2.2 l CDTi.

Por meio da tecnologia start-stop – que desliga o carro em períodos de inatividade e liga-o automaticamente assim que o motorista engata a marcha – a Honda conseguiu uma melhora nos níveis de emissão de CO2. Segundo a marca, mudanças aerodinâmicas no Civic também contribuíram para valores menores.

Com o novo motor, o Civic deve bater de frente com o Ford Focus e o Volkswagen Golf, emitindo os mesmos níveis que seus motores 1.6 l diesel, mas mais potente.