Grande parte das Fan Fests da Fifa tem atrações confirmadas

A maioria das Fan Fests, organizadas pela Fifa para quem não poderá assistir os jogos da Copa nos estádios, está com a programação confirmada

São Paulo – A dois dias para a abertura oficial da Copa do Mundo de 2014, a maioria das Fan Fests, organizadas pela Fifa para quem não poderá assistir os jogos nos estádios, está com a programação confirmada.

A inauguração ocorreu no domingo, no aterro da praia de Iracema, em Fortaleza, com a apresentação da taça da Copa do Mundo feita pelo ex-atacante Ronaldo e o cantor Bell Marques, ex-vocalista do grupo Chiclete com Banana, que se apresentou para um público estimado de 35 mil pessoas.

Nas regiões Sul, Centro-Oeste e Sudeste as programações que estão fechadas terão shows de bandas brasileiras e a transmissão das partidas no período de 12 a 26 de junho, 28 de junho a 1 de julho, 4,5,8,9,12 e 13 de julho, das 12h às 22h.

Em Manaus, a festa terá atrações da cultura amazônica como o grupo “Canto da Mata”, conhecido no carnaval de Parintins, além de shows de músicos brasileiros.

Em Brasília, o evento vai promover concurso de embaixadinhas e pênaltis, além das apresentações e da transmissão dos jogos oficiais.

O evento será realizado em espaços públicos das 12 cidades que sediarão jogos da Copa, mas nem todas as sedes aceitaram inicialmente a parceria com a Fifa.

Em Recife, a prefeitura se recusou a patrocinar a festa oficial e a confirmação do evento ocorreu em maio.

A organização do evento no local ficou sob responsabilidade de uma produtora carioca e não terá shows, apenas a transmissão dos jogos.

Salvador também abandonou o projeto inicial de fazer um carnaval a céu aberto devido a uma ação do Ministério Público da Bahia que proibia o uso do dinheiro público na festa, mas artistas abriram mão dos cachês, contando apenas com quantia para despesas logísticas, de acordo com informações do secretário de Desenvolvimento, Turismo e Cultura da cidade, Guilherme Bellintani.

As Fan Fests são gratuitas, mas consideradas pela Fifa obrigatórias desde 2006, quando a entidade criou o evento para a Copa realizada na Alemanha.

A Fifa já declarou que haverá controle de entrada nos espaços do evento como forma de conter a violência, já que a capacidade dos locais é de até 35 mil pessoas.