Fifa anuncia Neymar entre 23 candidatos à Bola de Ouro

O prêmio, promovido em conjunto com a revista francesa France Footbal, elegerá o melhor jogador do mundo em 2011

Zurique – Neymar foi anunciado nesta terça-feira pela Fifa como um dos 23 candidatos ao prêmio Bola de Ouro de 2011, promovido em conjunto com a revista francesa France Football, e que elegerá o melhor jogador do mundo no ano. O astro do Santos é o único atleta que atua no Brasil – e o único que não joga na Europa – que foi indicado a concorrer pela honraria, enquanto Daniel Alves, do Barcelona, é o outro brasileiro a figurar entre os selecionados para essa disputa.

A indicação do atacante do Santos é histórica também pelo fato de que ele se tornou o primeiro jogador indicado para o prêmio de melhor do mundo da Fifa a ter atuado a temporada toda por um time brasileiro. Anteriormente, outros quatro brasileiros entraram na disputa pelo prêmio por causa do futebol que exibiram em um time do País e em outro estrangeiro em uma mesma temporada. Foram eles: Raí, em 1993, por São Paulo e Paris Saint-Germain; Juninho Paulista, em 1995, por São Paulo e Middlesbrough; Romário, em 1995 e 1996, por Barcelona e Flamengo, e Giovanni, em 1996, por Santos e Barcelona.

Cobiçado por vários clubes do futebol europeu, Neymar entra na disputa da Bola de Ouro depois de ter sido o grande nome do Santos nas campanhas dos títulos da Copa Libertadores e do Campeonato Paulista deste ano. Além disso, ele vem comprovando a fama de maior jogador do Brasil na atualidade, com belas e decisivas atuações com a camisa santista ao longo desta temporada.

Além de contar com Neymar e Daniel Alves como candidatos ao prêmio de melhor do mundo, a lista divulgada pela Fifa nesta terça é formada, em sua maioria, por jogadores do Barcelona. Liderado por Messi, que voltou a ser indicado após ganhar as últimas duas edições do prêmio, o clube conta com oito representantes na eleição. São eles: Abidal, Daniel Alves, Fábregas, Iniesta, Piqué, David Villa, Xavi, além do próprio Messi.

O Real Madrid vem atrás do arquirrival como clube com maior número de candidatos, com cinco ao total: Casillas, Ozil, Cristiano Ronaldo, Xabi Alonso e Benzema. Em seguida, Manchester United (com Rooney e Nani), Bayern de Munique (Schweinsteiger e Muller) e Inter de Milão (Forlán e Sneijder) dividem a terceira colocação entre os clubes com maior número de indicados. Agüero, do Manchester City, Eto’o, do Anzhi Makhachkala (RUS), e Suárez, do Liverpool, completam a lista de 23 nomes.

Já na disputa entre países, a Espanha domina a premiação, com sete indicados ao prêmio, sendo cinco deles do Barcelona e dois do Real Madrid. A Argentina, assim como o Brasil, só conta com dois representantes na disputa. Além de Messi, Agüero figura pelo país entre os 23 candidatos. O Uruguai, por sua vez, confirma o seu bom momento ao também aparecer com dois atletas na listagem: Messi, eleito o melhor do mundo pela Fifa em 2010, e Suárez.

A Fifa também divulgou nesta terça uma lista de dez candidatos ao prêmio de melhor treinador de 2011. Sem nenhum brasileiro entre eles, ela conta com Vicente del Bosque (seleção espanhola), Alex Ferguson (Manchester United), Rudi Garcia (Lille), Pep Guardiola (Barcelona), Jürgen Klopp (Borussia Dortmund), Joachim Löw (seleção alemã), José Mourinho (Real Madrid), Oscar Tabárez (seleção uruguaia), André Villas-Boas (Porto/Chelsea) e Arsène Wenger (Arsenal).

A Fifa irá anunciar no dia 5 de dezembro, em Paris, os três finalistas ao prêmio Bola de Ouro. Já os vencedores da premiação serão revelados em uma cerimônia marcada para o dia 9 de janeiro, em Zurique, na Suíça. A eleição que definirá os ganhadores é definida por meio dos votos de capitães e técnicos de seleções nacionais e de jornalistas convidados pela France Football.


Confira a lista de 23 candidatos à Bola de Ouro:

Éric Abidal (FRA/Barcelona)

Sergio Agüero (ARG/Manchester City)

Karim Benzema (FRA/Real Madrid)

Iker Casillas (ESP/Real Madrid)

Cristiano Ronaldo (POR/Real Madrid)

Daniel Alves (BRA/Barcelona)

Samuel Eto’o (CAM/Anzhi Makhachkala)

Fábregas (ESP/Barcelona)

Diego Forlán (URU/Inter de Milão)

Andrés Iniesta (ESP/Barcelona)

Lionel Messi (ARG/Barcelona)

Thomas Müller (ALE/Bayern de Munique)

Nani (POR/Manchester United)

Neymar (BRA/Santos)

Mesut Ozil (ALE/Real Madrid)

Gerard Piqué (ESP/Barcelona)

Wayne Rooney (ING/Manchester United)

Bastian Schweinsteiger (ALE/Bayern de Munique)

Wesley Sneijder (HOL/Inter de Milão)

Luis Suárez (URU/Liverpool)

David Villa (ESP/Barcelona)

Xabi Alonso (ESP/Real Madrid)

Xavi Hernández (ESP/Barcelona)

Confira a lista de 10 candidatos a melhor treinador:

Vicente Del Bosque (ESP/seleção espanhola)

Alex Ferguson (ESC/Manchester United)

Rudi Garcia (FRA/Lille)

Pep Guardiola (ESP/Barcelona)

Jürgen Klopp (ALE/Borussia Dortmund)

Joachim Löw (ALE/seleção alemã)

José Mourinho (POR/Real Madrid)

Óscar Tabárez (URU/seleção uruguai)

André Villas-Boas (POR/Chelsea)

Arsène Wenger (FRA/Arsenal)