Felipão diz que Neymar deve ser desfalque na semifinal

Treinador afirmou que o atacante tem poucas chances de estar recuperado a tempo de enfrentar a Alemanha

Fortaleza – Luiz Felipe Scolari demonstrou preocupação com a pancada sofrida por Neymar no segundo tempo da partida contra a Colômbia, nesta sexta-feira.

Sem muita confiança, ele afirmou que o atacante tem poucas chances de estar recuperado a tempo de enfrentar a Alemanha na semifinal da Copa do Mundo, na próxima terça-feira, no Mineirão, em Belo Horizonte.

“Acho difícil que ele jogue. Não estamos muito esperançosos. Posso garantir que não será fácil a recuperação, pelo que o doutor nos passou e pela dor que ele estava sentindo na coluna. Ele chorava de dor. Foi uma joelhada nas costas”, afirmou Felipão, após a vitória sobre os colombianos por 2 a 1, na Arena Castelão, em Fortaleza.

“Ele foi primeiro à clínica do estádio e já foi encaminhado a uma clínica particular, acompanhado do doutor [José Luiz] Runco. Ele vai fazer uma série de exames. A gente não tem a noção exata do que aconteceu. Vamos esperar que não seja nada grave, que tenha condições de ser recuperado em dois ou três dias”, comentou o treinador, que chegou a colocar em dúvida a participação do jogador até numa eventual final da Copa, no dia 13.

Apesar disso, Felipão não desistiu de contar com o jogador para a semifinal contra a Alemanha. Ele aposta na juventude de Neymar para obter uma recuperação rápida.

“Ele é jovem, se cuida, faz tudo que tem que ser feito para se recuperar. Vamos ver os exames e torcer para não ser constatado nenhum problema na coluna. Pode ser que um tratamento de 48 horas sirva para que ele tenha condições de jogar”.

Um dos médicos da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar deu entrevista para a SporTV, ainda dentro do estádio, e comentou sobre o atendimento inicial feito em Neymar.

“A situação preocupa, claro. O jogador não consegue terminar o jogo e pede para sair, sempre preocupa”, afirmou ele.

“É uma situação difícil e dramática pela dor que o jogador sente. É cedo para um diagnóstico preciso sem os exames. Pode ser só uma contusão ou algo mais grave. Vamos aguardar.”