Espetáculo brasileiro do Cirque du Soleil, “Ovo” estreia em São Paulo

Criado, dirigido e coreografado por brasileira, espetáculo será apresentado até o dia 12 de maio no Ginásio do Ibirapuera

São Paulo – Um ovo gigante está posicionado no meio da arena, um convite para refletir sobre o ciclo da vida. Ao fundo, se escuta sons de grilos e zumbidos de mosquitos. Bem-vindo ao mundo colorido e dinâmico dos insetos!

É assim que começou nesta quinta-feira (18) a última etapa da apresentação de “Ovo”, do Cirque du Soleil, no Brasil. Depois de passar por Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Brasília, em uma curta temporada, o espetáculo estreou em São Paulo, onde será encenado até o dia 12 de maio no Ginásio do Ibirapuera.

A apresentação é criada, dirigida e coreografada pela brasileira Deborah Colker, que foi a primeira mulher a atuar como diretora de shows da companhia de entretenimento canadense.

Além de ser dirigido por Colker, toda a produção do espetáculo é inspirada na cultura brasileira. O espetáculo retrata a rica flora e fauna do país, tanto por meio do cenários naturais como personagens cheios de cores. Também inclui em sua trilha musical ritmos como a bossa nova, samba, xaxado e o funk.

Nos últimos dois anos, “Ovo” foi apresentado pela América do Norte e Europa, mas estreou pela primeira vez em Montreal em 2009, como um show de tenda. Ou seja, o espetáculo da companhia canadense mais tipicamente brasileiro chega depois de 10 anos ao país, após ser visto por mais de 5 milhões de pessoas pelo mundo.

Dança e música: elementos adicionais

Colker tem em seu currículo trabalhos onde se misturam o teatro, a dança e artes circenses. É exatamente essa mistura que faz de “Ovo” um espetáculo diferente. Ao mesmo tempo em que presenciamos as artes circenses da companhia, acompanhamos uma história com personagens, além de coreografias de dança acompanhadas por um violinista, sanfoneiro, pelo som de um pandeiro e até canto.

O enredo da peça, contado entre números de malabarismos, acrobacias e slack, é a história de um ovo misterioso que aparece no habitat de um grupo insetos. Ele é carregado por um mosquito desajeitado, que chega na comunidade e se apaixona por uma joaninha diferente. Sua inserção na nova sociedade, e aceitação pela “amada”, é permeada de conflitos, retratados de forma leve pela comédia.

Os números circenses, marca registrada da companhia, são sempre impressionantes, com atenção especial para a aranha contorcionista e o último número, feito em uma grande parede de escalada. Além deles, o figurino e movimentos dos insetos, simulados pelo elenco, são o destaque.

Durante toda a apresentação os bichos rastejam, flutuam, brincam, brigam e buscam amor em um clima de algazarra, energia e alegria, em belas roupas coloridas cheias de detalhes, algumas com acessórios brilhantes que simulam asas.

O espetáculo não é sempre ruidoso. Há também números delicados e mais silenciosos, como quando o casal de trapezistas dá um show romântico pelo ar.

O show da companhia é apresentado em uma arena, forma inédita no país. A estrutura circular dá dinamismo às cenas e permite que a plateia, com capacidade para quase 6 mil pessoas, possa acompanhar os números dos mais diversos ângulos. Pequenos buracos no palco evitam a monotonia do entra e sai de atores e acrobatas.

O elenco é composto por 50 artistas de 14 países, incluindo quatro brasileiros.

Serviço

Ovo, do Cirque du Soleil – Turnê São Paulo

Local: Ginásio do Ibirapuera
Endereço: R. Manuel da Nóbrega, 1267 – Paraíso
Data: até 12 de maio
Sessões e horários: – terça-feira, às 21h, quarta, quinta e sexta-feira, às 17h* e 21h, sábados, às 13h*, 17h e 21h; e domingos, às 14h* e 18h* e das 16h e 20h (*datas específicas)
Abertura do local: 1h30 antes do show
Capacidade: 5.668 lugares
Duração: 2 horas com 20 minutos de intervalo
Classificação: Livre. Menores de 12 anos de idade somente acompanhados dos pais ou responsáveis.
Preços (inteira): R$ 260 (Setor 3), R$ 320 (Setor 2), R$ 440 (Setor 1), R$ 500 (Cadeira especial) e R$ 580 (Setor premium)
Vendas online, com cobrança de taxa de serviço, pelo site