Em seu novo filme, James Bond destrói R$ 143 mi em carros

Valor é mais de 10% do orçamento do filme, que estreia em novembro. Aston Martin é maior "vítima"

São Paulo — Os números ligados à franquia cinematográfica James Bond são sempre magnânimos. São 42 livros, 26 filmes, cerca de US$ 6 bilhões de dólares arrecadados no total, com orçamentos somados de pouco mais de um US$ 1 bilhão.

Mas um número que todo fã da série já se perguntou enquanto assiste aos filmes ainda não havia sido revelado: quanto eles gastam destruindo todos esses carrões?

A resposta está no tabloide Daily Mail: nada menos que o equivalente a R$ 143 milhões (ou US$ 36 milhões) foram gastos em veículos destruídos apenas no último filme, 007 Contra Spectre.

Batemos o recorde em destruição de carros, disse coordenador para cenas de ação Gary Powell.

A maior vítima é o Aston Martin DB 10, modelo produzido exclusivamente para o filme pela montadora de luxo britânica. Sete dos dez carros produzidos foram destruídos, além de ao menos uma Land Rover, do vilão da história.

O novo filme, cujo orçamento total foi de US$ 303 milhões (ou R$ 1,1 bilhão) estreia no Brasil em 5 de novembro.

Veja alguns carros sendo destruídos: