Pelé diz que Neymar superará Messi e Cristiano Ronaldo

Em relação ao presente, o Rei do Futebol afirmou achar Messi, Cristiano Ronaldo e Neymar os melhores do mundo, nesta ordem

Nova York – A eterna discussão sobre quem é – ou será – o melhor jogador do mundo voltou à tona nesta quarta-feira em Nova York por meio de Pelé, que disse acreditar que Neymar, recém-chegado ao Barcelona, vai superar Lionel Messi e Cristiano Ronaldo.

“As pessoas gostam de fazer a comparação com Messi, mas Messi já tem anos de experiência. Também tem o Cristiano Ronaldo, um atacante que faz mais gols, mas para o futuro acho que Neymar será o melhor”, afirmou Pelé, que compartilhou hoje algumas de suas vivências como jogador com cerca de 50 crianças na cidade americana.

Já em relação ao presente, o Rei do Futebol afirmou achar Messi, Cristiano Ronaldo e Neymar os melhores do mundo, nesta ordem.

Questionado pelos meninos e meninas presentes sobre qual é sua seleção favorita para conquistar a Copa do Mundo de 2014, Pelé não hesitou em apontar o Brasil.

“Tenho confiança e acho que o Brasil estará na final. Com a Espanha ou com a Alemanha, mas que esteja o Brasil”, respondeu, ressaltando que vê a “Fúria” como a segunda melhor seleção do planeta, atrás da brasileira.

O Rei reconheceu que o Brasil teve alguns problemas nos últimos anos porque carecia de um estilo de jogo, mas disse que após a conquista da Copa das Confederações, agora tem “uma equipe formada e com um grande treinador”, se referindo a Luiz Felipe Scolari.

“Se eu ganhei três Copas em minha vida e marquei mais de mil gols foi porque tive grandes companheiros e amigos. Eu não fiz nada sozinho”, declarou.

Pelé contou às crianças que seu pai, Dondinho, que também foi jogador, sempre lhe dizia quando era pequeno que tinha muito “talento” e que algum dia poderia se transformar em um grande jogador, “mas que o principal era respeitar as pessoas, os jogadores, e ir à escola”.

“O mais importante é a união, a amizade, porque ninguém pode ser campeão sozinho. É preciso trabalhar com a equipe para ser campeão”, repetiu o ex-jogador.