Corinthians é campeão da Libertadores pela 1ª vez na história

O título continental é o primeiro da história do clube paulista em 102 anos de história

São Paulo – Enfim, a obsessão do Corinthians de conquistar a Taça Libertadores teve seu fim, com a vitória por 2 a 0 sobre o Boca Juniors, com dois gols de Emerson, na noite desta quarta-feira, no Pacaembu, em São Paulo.

Na partida de ida, Corinthians e Boca empataram em 1 a 1 em La Bombonera. Hoje, o predestinado Emerson, que vem de três títulos brasileiros em sequência (com Flamengo, Fluminense e Corinthians), decidiu a partida, marcando duas vezes no segundo tempo, aos oito e aos 27 minutos.

O título continental é o primeiro da história do clube paulista em 102 anos de história. Além disso, a conquista corintiana é a 16ª de um time brasileiro na competição, contra 22 títulos de equipes argentinas. O Boca, por sua vez, adiou o desejo de se tornar o maior campeão da competição, ao lado do compatriota Independiente, com sete títulos.

O primeiro tempo foi de poucas emoções, com raras oportunidades de gol. O melhor lance aconteceu aos 11 minutos. O meia corintiano Alex, em um chute de longa distância, que obrigou o goleiro Orión fizesse a defesa em dois tempos. Aos 32, o camisa 1 do time argentino deixou o campo lesionado, dando lugar a Sebastián Sosa.

O time brasileiro voltou com atitude completamente diferente na etapa complementar, partindo para cima do Boca. Aos oito minutos, após falta cobrada por Alex da direita, Jorge Henrique escorou de cabeça, a bola sobrou para Danilo, que deu passe de calcanhar para Emerson abrir o placar da decisão.

Aos 27, após falha na saída de bola da defesa do time argentino, brilhou de novo a estrela de Emerson. O camisa 11 arrancou da intermediária e disparou rumo ao gol, tocando para o gol na saída de Sosa para fazer explodir de vez a fiel torcida corintiana. E