Cora Coralina, que faria aniversário hoje, ganha doodle

Escritora brasileira publicou seu primeiro livro aos 76 anos. Ela nasceu em 20 de agosto há exatos 128 anos

São Paulo – A poetisa goiana Cora Coralina é a homenageada de hoje pelo doodle do Google. A escritora nasceu há exatos 128 anos  no interior de Goiás.

Nascida como Anna Lins dos Guimarães Peixoto Bretas, Cora Coralina (seu pseudônimo) era filha de um desembargador nomeado por Dom Pedro II. Ela frequentou somente as primeiras séries primárias, mas começou a escrever a partir dos 14 anos.

Seus primeiros escritos foram publicados em jornais e revistas locais. O primeiro livro (Poemas dos Becos de Goiás e estórias mais) foi publicado apenas em 1965, quando ela tinha 76 anos. 

Ao longo de sua vida, foi vendedora de livros da Editora José Olympio (selo de sua primeira obra) e, posteriormente, doceira.

Em 1983, recebeu o título de Doutora Honoris Causa da Universidade Federal de Goiás (UFG)  e tornou-se a primeira mulher a vencer o prêmio Juca Pato com o livro “Vintém de Cobre – Meias Confissões de Aninha”. Ela morreu em 10 de abril de 1985, aos 95 anos. É autora de nove livros — cinco deles, póstumos.

Imagem do Doodle da poetisa Cora Coralina

Imagem do Doodle da poetisa Cora Coralina (Google/Reprodução)