Conheça os imóveis mais caros do mundo

Curbed lista as cinco propriedades mais caras que estão à venda no momento. Preço começa em US$ 125 milhões

São Paulo – Um levantamento do site Curbed listou as propriedades mais caras do mundo que estão à venda. O preço de nenhuma delas chega perto dos US$ 530 milhões da casa mais cara comercializada até hoje, da viúva Lily Safra, na Riviera Francesa. Ainda assim, todas têm valor cotado acima dos 9 dígitos. Conheça essas mansões que, definitivamente, não são para o bolso de qualquer um:

1- Em primeiro lugar ficou um imóvel na ilha de Li Galli, Itália. A casa, que já pertenceu ao bailarino russo Rudolf Nureyev, conta com terraço, decoração praiana e custa US$ 268 milhões.

2- O segundo lugar da lista não possui, nem sequer, uma construção. Trata-se de um terreno de frente pro mar no luxuoso destino litorâneo Hamptons, em Long Island, nos EUA, há aproximadamente 150 Km de Nova York. Custa US$ 200 milhões.

3- A terceira propriedade mais cara é um apartamento de cobertura no Hotel Bulgari, em Londres. Com vista para o Hyde Park, o imóvel tem 860 m2 e custa US$ 157 milhões. O futuro proprietário, no entanto, terá que desembolsar um valor bem maior do que esse para tornar o local habitável, já que o imóvel ainda não tem acabamento.

4- No quarto lugar, custando US$ 150 milhões, está a mansão do investidor Jeff Greene, localizada em Beverly Hills, EUA. A suntuosa propriedade de 100 mil m2 tem uma casa principal de 4 mil m2, com 11 quartos e garagem para 24 carros. Sem contar uma casa de piscina com 1 mil m2 e uma casa de hóspedes com 750 m2.

5- A famosa propriedade chamada Fleur de Lys, localizada em Bel Air, EUA, ocupa o quinto lugar da lista, com um preço de US$ 125 milhões. A mansão ostenta, em 3,2 mil m2, 12 quartos, 15 banheiros, paredes de mármore, 2 cozinhas, home theater para 50 pessoas, garagem para 9 quartos, dependências para 10 empregados e casa de três quartos para o caseiro.

6- Empatada em quinto lugar, também custando US$ 125 milhões, está a Casa Casuarina, em Miami, Flórida, EUA. A propriedade foi residência do estilista Giani Versace até a sua morte prematura, em 1997. Depois funcionou como um hotel e hoje está à venda como casa de família.