Cansado de parede branca? Veja como transformar a casa com revestimentos

Quebre a monotonia de paredes vazias com materiais criativos

São Paulo – Ambientes com design moderno costumam ter uma decoração mais minimalista, com móveis claros e paredes pintadas em cores neutras. É uma combinação bonita e elegante.

Porém, se não soubermos preencher corretamente os espaços, o cenário pode ficar bastante monótono. Uma ideia interessante para não cair nessa cilada é usar e abusar dos revestimentos.

Projeto com revestimento da Ricardo Abreu Arquitetos e D&D Show Projeto com revestimento da Ricardo Abreu Arquitetos e D&D Show

Projeto com revestimento da Ricardo Abreu Arquitetos e D&D Show (Viva Decora/Divulgação)

Os cômodos podem ganhar bastante charme com paredes cobertas de revestimentos coloridos ou texturas marcantes, que dão ideia de movimento.

Esses acessórios permitem que um ambiente tenha mais elementos naturais e provam que a alta tecnologia não precisa comprometer a beleza e o conforto dos interiores.

Projeto da MeyerCortez Arquitetura & Design utiliza revestimento na parede Projeto da MeyerCortez Arquitetura & Design utiliza revestimento na parede

Projeto da MeyerCortez Arquitetura & Design utiliza revestimento na parede (Viva Decora/Divulgação)

Ideias para preencher paredes

Muitos sistemas para construção e acabamento de edificações têm sido expressivamente aprimorados nos últimos anos.

Essa evolução faz com que soluções para revestimento de parede comecem a utilizar certos materiais que podem se tornar o foco principal dos cenários, dando mais vida ao ambiente .

Projeto com revestimento da Tetriz Arquitetura e Interiores e e Ana Lúcia Adriano Projeto com revestimento da Tetriz Arquitetura e Interiores e e Ana Lúcia Adriano

Projeto com revestimento da Tetriz Arquitetura e Interiores e e Ana Lúcia Adriano (Viva Decora/Divulgação)

Naturalmente existem outras formas de preencher paredes e deixar ambientes modernos mais charmosos.

Entre as opções mais simples, é possível instalar painéis, espelhos, molduras decorativas, quadros, nichos vazados, prateleiras, entre outros acessórios.

Contudo, quem desejar algo mais duradouro pode investir dinheiro em um bom revestimento. Veja os exemplos a seguir.

Projeto com revestimento da C2HA Arquitetos e Kenia Pereira Projeto com revestimento da C2HA Arquitetos e Kenia Pereira

Projeto com revestimento da C2HA Arquitetos e Kenia Pereira (Viva Decora/Divulgação)

Como usar os revestimentos

Para uma decoração residencial moderna, é possível revestir uma ou mais paredes de forma completa ou parcialmente.

Outra opção é, ao invés de revestir, apenas deixar materiais das estruturas à mostra, como tijolo e concreto.

Projeto com revestimento de Anna Maria Parisi Projeto com revestimento de Anna Maria Parisi

Projeto com revestimento de Anna Maria Parisi (Viva Decora/Divulgação)

Normalmente, revestimentos de textura marcante são utilizados para destacar as paredes principais de ambientes.

Essas paredes não são necessariamente as mais altas ou mais extensas. Podem ser apenas aquelas paredes que desejamos transformar no foco principal do ambiente.

São exemplos de paredes principais a do fundo de cabeceira, painel para TV, mesa de jantar, chuveiro e fogão.

Projeto com revestimento de Renata Cáfaro e Espaço do Traço Arquitetura Projeto com revestimento de Renata Cáfaro e Espaço do Traço Arquitetura

Projeto com revestimento de Renata Cáfaro e Espaço do Traço Arquitetura (Viva Decora/Divulgação)

Um hall de entrada fica mais valorizado com uma superfície preenchida com muita cor e textura. Já uma cozinha em fita parece mais larga com o uso de revestimentos, enquanto salas ficam mais integradas. O acessório também ajuda a esconder cabeamentos elétricos.

Projeto com revestimento de Fernanda Azevedo Mancini e Édy Marcozzi Projeto com revestimento de Fernanda Azevedo Mancini e Édy Marcozzi

Projeto com revestimento de Fernanda Azevedo Mancini e Édy Marcozzi (Viva Decora/Divulgação)

Exemplos de revestimentos de parede

A madeira pode ser aplicada em paredes de salas de estar e de jantar por meio de lâminas ou mini blocos. Isso porque o material é indicado para dar mais conforto a ambientes de relaxamento e socialização.

Já em dormitórios costumam ser utilizados revestimentos com estampas mais diferenciadas. Por se tratar de uma área mais íntima, não há problemas em personalizá-la.

Projeto com revestimento de Ana Luisa Previde e Ana Yoshida Projeto com revestimento de Ana Luisa Previde e Ana Yoshida

Projeto com revestimento de Ana Luisa Previde e Ana Yoshida (Viva Decora/Divulgação)

Em zona consideradas “molhadas”, os revestimentos precisam ser impermeáveis.

Nos banheiros íntimos, o melhor é aplicar materiais de tom neutro que, mesmo em destaque, deem ainda uma impressão de clareza, amplitude, e higiene. Já nos banheiros sociais é possível ousar com peças de cores mais fortes.

Projeto com revestimento da Quattrino Arquitetura e Pagama arquitetura + design Projeto com revestimento da Quattrino Arquitetura e Pagama arquitetura + design

Projeto com revestimento da Quattrino Arquitetura e Pagama arquitetura + design (Viva Decora/Divulgação)

Nas cozinhas, a ideia é inserir detalhes pontuais, que sejam alegres e fáceis de limpar.

Projeto da CASAon Projeto da CASAon

Projeto da CASAon (Viva Decora/Divulgação)

Outras opções de revestimento para imóveis contemporâneos incluem placas de cortiça, tinta de lousa, papel, adesivo, colagens de jornal, fita, pastilha, espelho, textura acrílica, placa cerâmica e pedra.

Estas dicas de revestimentos de parede foram criadas pela equipe Viva Decora.