BMW anuncia nova geração do M6

Esportivo entra para a lista dos carros mais rápidos da história da marca alemã

São Paulo – Os fãs de esportivos podem contar os dias para o Salão de Genebra. Uma das grandes atrações da feira será mostrada pela BMW, que vai apresentar o novo M6. A estreia será em dose dupla, aliás, já que a empresa exibirá o bólido nas versões Coupe e Convertible.

A carroceria esguia da nova geração ficou ainda mais atraente depois de passar pelas mãos do departamento Motorsport. Os novos para-choques já seriam suficientes para deixá-lo com cara de poucos amigos, mas as rodas de liga leve de 19 polegadas (opcionalmente podem ser trocadas por aro 20) e as quatro ponteiras de escapamento servem como um aviso de que este não é um Série 6 qualquer.

A certeza vem quando se toma coragem para pisar fundo no acelerador. O motor 4.4 V8 biturbo entrega 560 cv e torque máximo de 69,3 mkgf. A BMW prepara uma caixa manual de seis marchas em breve, mas, enquanto ela não vem, dá para se contentar com a transmissão automática de sete velocidades com dupla embreagem. Segundo a empresa, o M6 acelera de 0 a 100 km/h em 4,2 segundos na versão cupê e 4,3 segundos no caso do conversível.

Com estes números, o M6 consegue ser mais rápido que o M5, embora ambos compartilhem o mesmo conjunto motor-transmissão. O segredo está no uso de componentes que reduzem o peso do veículo, como alumínio e fibra de carbono. E olha que o M6 nem cobra o preço na hora de abastecer: a BMW garante que o M6 consome 30% menos que a geração anterior, graças  tecnologias como o sistema de freios regenerativos e a função start-stop, que desliga o motor quando ele não é exigido.