Barba com falhas? Já existe um remédio para isso

Um elixir que promete acabar com as falhas e dar a qualquer sujeito uma vasta penugem facial virou um fenômeno de vendas no país

Barba

 (Divulgação/Fonte padrão)

No dia 20 de junho de 2016, o catarinense Michel Pereira decidiu que não dava mais para continuar na empresa de marketing digital que havia montado com o irmão mais velho, Magno, e dois amigos, Junior Gripa e Tiago de Carvalho, em Brusque (SC).

A Êxito, diferentemente do nome, era um fracasso: ninguém tirava um tostão. A caminho de uma entrevista de emprego, notou mais uma vez as falhas em sua barba. Sem pensar, entrou em uma farmácia de manipulação e perguntou qual era o princípio ativo que ajudava os pelos a nascerem fortes.

Voltou para o escritório de 50 metros quadrados intrigado: por que não havia um produto para isso no mercado? “Ele apareceu com a ideia e, já que não tínhamos o que perder, resolvemos apostar nela”, conta Tiago.

Eles pesquisaram uma fórmula e com apenas 35 reais fizeram o que foi batizado de Blend Original. Montaram um site, uma página no Facebook, criaram um logotipo e um slogan: “Para você ter uma barba de respeito”.

Daí veio o nome da empresa que tem hoje mais de 1 milhão de seguidores na rede social e 2,8 mil avaliações, com média de 4,7 estrelas (das 5 possíveis), a Barba de Respeito.

O site recebe mais de 300 pedidos por dia, com um tíquete médio de 178 reais. O faturamento mensal é de 1,5 milhão de reais.

O Blend Original é o best-seller: saem, por mês, até 15 mil frascos, a R$ 99,90 cada. Sua premissa é fazer crescer a barba, preencher as falhas e fortalecer os fios.

O tratamento completo dura seis meses. O princípio ativo é um extrato hidroalcoólico de três plantas, que já eram usadas individualmente em algumas manifestações dermatológicas.

O processo de extração delas juntas, dizem os empresários, potencializa os ativos e estimula o bulbo capilar. A dermatologista Claudia Marçal, do Espaço Cariz, em Campinas (SP), afirma que as falhas na barba têm vários motivos: de genéticos a hormonais, passando por deficiências de nutrientes e até estresse. “É muito difícil dizer que um único creme seja capaz de acabar com elas”, afirma.

Mas, segundo Claudia, melhorando características da pele e do folículo, um produto pode “auxiliar na formação e no crescimento dos pelos”.

barba de respeito

 (Barba de Respeito/Instagram)

Sabendo que o universo da barba é cíclico, os catarinenses aumentaram a linha de itens da Barba de Respeito, que conta hoje com 11 produtos, entre xampus (um deles feito à base de cevada e lúpulo, por R$ 48,90), modeladores (R$ 89,90) e até uma cera escurecedora, que já é o segundo artigo mais vendido, por R$ 89,90.

De mudança para uma nova sede, com 800 metros quadrados, os rapazes investem em expansão física: seus produtos estão em mais de 50 barbearias do país todo e acabam de chegar em drogarias.

Eles não dormem no ponto e apostam em outras frentes. Uma delas é a consumidora mulher. “E atenção, ‘barbudete’: ele pode ser usado também em cílios e sobrancelha”, avisam sobre o Blend Original.

Além disso, devem lançar agora em setembro o Blend Capilar. Este promete fazer o mesmo efeito de seu best-seller para quem está enfrentando queda de cabelo. Mas isso já é uma outra história.

Os melhores produtos para cuidar da barba

produtos barba 1. Blend Original (R$ 99,90) / 2. Balm para barba (R$ 42,90) / 3. Escurecedor (89,90) / 4. Shampoo Ice (R$46,90)

1. Blend Original (R$ 99,90) / 2. Balm para barba (R$ 42,90) / 3. Escurecedor (89,90) / 4. Shampoo Ice (R$46,90) (/)

Barbeador revolucionário

Ele parece, mas não é – nem a lâmina de barbear nem o aparelho elétrico com os quais você está acostumado.

O OneBlade é, grosso modo, uma mistura dos dois. Em vez das tradicionais três lâminas que deslizam sobre a pele, seu cortador fica “escondido” por uma espécie de capa.

oneblade philips Barbeador Philips OneBlade (R$ 189) / Cartucho (R$79)

Barbeador Philips OneBlade (R$ 189) / Cartucho (R$79) (/)

É por trás desse revestimento que está a tecnologia. As lâminas têm corte dupla face e fazem movimentos muito rápidos, 200 vezes por segundo, que acabam com os pelos, mas sem machucar a pele.

A Philips garante: como os fios não são cortados tão rentes, você não corre o risco de ter foliculite, aquelas incômodas bolinhas que aparecem no pós-barba.

Também diferentemente do método mais comum de se barbear, o OneBlade deve ser passado no sentido contrário ao crescimento dos pelos.

E tem ainda um outro detalhe: se você estiver barbudão e quiser tirar os pelos do rosto, não é preciso aparar os fios antes de passar o aparelho. Basta fazer a máquina funcionar e tirar a barba de uma só vez.

Segundo o gerente de marketing da área de cuidados pessoais Adrilles Carvalho, a tecnologia do produto está sendo desenvolvida desde 2010.

A empresa não quer excluir os barbudos de seus possíveis consumidores. Por isso, o produto vem com pentes de diferentes tamanhos, para aparar os pelos de quem está feliz com o visual lenhador.

“Ele é voltado para o homem atual, que usa a barba como um acessório e sabe que pode brincar com o visual e ter ou não barba quando quiser”, diz.