Ator “The Rock” planeja concorrer à presidência dos EUA

A ideia surgiu depois de ler em junho um artigo no jornal "The Washington Post" que sugeria "The Rock" como um candidato viável à Casa Branca

Nova York – O ator e produtor americano Dwayne Johnson, conhecido como “The Rock”, não descarta concorrer à presidência dos Estados Unidos no futuro e afirmou que esta é “uma possibilidade real”, durante uma entrevista à revista “GQ” publicada nesta quarta-feira.

“The Rock”, de 45 anos, comentou nessa entrevista que há um ano começou a ficar “cada vez mais” claro que ele disputaria eleições presidenciais.

“Havia uma sensação real de seriedade, o que me levou para casa e pensar ‘deixe-me voltar a meditar sobre minha resposta e assegurar-me que estou dando uma contestação verdadeira e respeitável'”, declarou o ator da saga “Velozes e Furiosos”.

A ideia surgiu depois de ler em junho um artigo no jornal “The Washington Post” que sugeria “The Rock” como um candidato viável à Casa Branca, dado o clima político do momento, quando Donald Trump, agora presidente, pretendia liderar o país.

Após considerar a opção, Johnson, que segundo a “GQ” é o ator mais bem remunerado do mundo, confessou que planeja seriamente deixar de lado sua prolífica carreira para dedicar-se à política e concorrer à Casa Branca.

“Acredito que é uma possibilidade real”, assegurou.

“The Rock”, que antes de ser ator era um popular lutador de luta livre, é um dos protagonistas da saga “Velozes e Furiosos”, série de filmes que conjuntamente arrecadou mais de US$ 1 bilhão ao ano no mundo todo.