Aston conversível, de US$ 161 mil, baixa teto em 6,7 segundos

O Vantage tem preço inicial de US$ 146 mil

Pelo menos uma parte do novo conversível da Aston Martin é a mais rápida já fabricada.

Mas não é a velocidade, embora seu tempo de zero a 100 km/h de 3,7 segundos não seja ruim. O próximo roadster Aston Martin Vantage 2021 pode baixar o teto em apenas 6,7 segundos, aproximadamente o tempo necessário em qualquer filme do 007 para determinar que Daniel Craig é o melhor James Bond.

O bonito descendente do grand tourer britânico que estreou em 1977 e seu homólogo conversível Volante, lançado em 1986, levam um pouco mais de tempo para elevar o teto: 6,8 segundos, segundo um porta-voz da empresa, mas pode fazê-lo em qualquer velocidade de até 50 km/h.

Ambas as vezes são 50% mais rápidas do que o padrão da indústria, de cerca de 14 segundos, superando outros modelos de última geração, como o BMW i8 (15 segundos), o Porsche 911 (12 segundos) e até superando a estrela conversível do Ford Mustang, que pode fazê-lo em 7 segundos. Em comparação, o atual Aston Martin DB11 Volante leva 14 segundos.

O Vantage tem preço inicial de US$ 146 mil para o cupê de transmissão manual, enquanto o roadster custa US$ 161 mil nos EUA. Com as opções e personalizações especiais disponíveis, concessionárias esperam que o preço seja muito maior.