As três melhores biografias de 2015 (até agora)

Com a ajuda do jornalista Edmundo Leite, que produz um livro sobre Raul Seixas, elaboramos uma lista para rechear sua estante

A vida é feita de histórias. As verdadeiras, então, são ainda mais ricas. A equação fica completa quando elas acontecem com grandes personagens da história. Um tipo de livro reúne esses três elementos e, muito possivelmente por isso, é um dos gêneros mais apreciados pela humanidade: a biografia.

Como o melhor tipo de educação é o exemplo, nada mais justo do que dizer que as biografias tem caráter educacional — ainda que sejam apenas para servir de referência do que não deve ser feito.

Através das biografias, é possível conhecer com exatidão os percalços na trajetória de grandes nomes da cultura e sociedade

Por ser tão popular e útil, as biografias chegam aos montes às livrarias. Por isso, o site da VIP recorreu ao jornalista Edmundo Leite — que atualmente trabalha na produção de uma biografia de Raul Seixas, ainda sem data de lançamento — para listar as três melhores biografias publicadas em 2015.

Confira.

Kid Vinil: Um herói do Brasil

Vocalista, DJ, radialista, apresentador de TV, escritor e crítico musical. Não faltam facetas para abordar Antonio Carlos Senefonte, o popular Kid Vinil. Aos 60 anos, ele tem sua vida contada pelo jornalista Ricardo Gozzi e pelo produtor musical e guitarrista Duca Belintani.

Kid Vinil: Um herói do Brasil, de Ricardo Gozzi e Duca Belintani
Editora: Edições Ideal
Páginas: 160
Preço: R$ 39,90

//e.issuu.com/embed.js

Elis Regina: Nada Será como Antes

Em um campo tão vasto como o da música brasileira, é muito complicado estabelecer uma certeza absoluta, uma unanimidade. Com Elis Regina é diferente: a Pimentinha é tida como a maior cantora brasileira de todos os tempos. Sua vida, iniciada em 1945 e findada de forma trágica (por uma overdose de álcool e cocaína) em 1982 é narrada com detalhamento inédito na obra do jornalista Julio Maria.

Elis Regina – Nada Será como Antes, de Julio Maria
Editora: Master Books
Páginas: 424
Preço: R$ 49,00

(Crédito: Divulgação) (Crédito: Divulgação)

(Crédito: Divulgação) (Divulgação/)

Dez! Nota Dez! Eu Sou Carlos Imperial

Não fosse por ele, a biografada de cima não teria sido quem foi. O folclórico Carlos Imperial foi o produtor cultural responsável por descobrir, além de Elis Regina, outros tantos nomes da música nacional, como Roberto Carlos e Simonal. Não tivesse sido vitimado por uma miastemia grave em 1992, o carioca — que se autodenominava “rei da pilantragem” — completaria 80 anos em 2015. Por isso, a biografia escrita por Denilson Monteiro em 2008 está sendo relançada neste ano.

Dez! Nota Dez! Eu Sou Carlos Imperial, de Denilson Monteiro
Editora: Planeta
Páginas: 408
Preço: R$ 54,90

(Crédito: Divulgação) (Crédito: Divulgação)

(Crédito: Divulgação) (Divulgação/)