As 7 melhores cidades para os amantes de cerveja

Conheça os destinos que são verdadeiros paraísos para os apreciadores do sabor da cevada

Boa parte do mundo não conhece as cervejas austríacas por uma razão muito simples: elas não são exportadas. Quem quiser experimentar vai ter que dar uma passadinha na terra da música clássica – e nada melhor do que aliar o sabor da cevada com um ótimo roteiro turístico por Viena, tirando uma tarde para degustação.

Vienna3

Por outro lado, o mundo se rende à cerveja belga. Os rótulos do pequeno país europeu estão entre os melhores – e mais caros – do mundo. É tanta variedade que vira um problema escolher. Bruxelas tem tantos bares especializados em cerveja quanto Paris tem de cafés. Além disso, a população local adora fazer propaganda das bebidas para os turistas.

bruxelas

Atravessando o Atlântico, os EUA também possuem ótimos destinos cervejeiros. O principal deles, talvez, é Portland. A cidade reúne uma grande coleção de cervejarias artesanais e pubs. Há até o Brewclub, passeio ciclístico pelas ruas conhecendo os endereços das melhores bebidas.

Portland-Waterfront

Difícil é dizer em que Amsterdã não é boa. Claro que no quesito cerveja não poderia ser diferente e a principal cidade holandesa compete com qualquer outro destino de igual para igual. Além das inúmeras cervejarias, o ambiente descontraído na capital mais liberal da Europa é uma atração à parte – e deixa qualquer gosto alcoólico ainda mais saboroso.

amsterda

O povo Irlandês tem fama de gostar de beber, para ser educado. Logo, a capital do país, Dublin, tem obrigação de ser o melhor lugar possível para quem quer matar a sede. Com alguns dos rótulos mais famosos do mundo, a cidade é especializada em fornecer ao turista sabores inigualáveis.

Dublin-City

O berço da revolução da cerveja, Praga é onde se bebe mais do que em qualquer lugar do mundo. A legislação branda da República Checa permite a qualquer beber na rua, mas a principal vantagem é o preço baixo. Qualidade e barateza, quem pode com isso?

prague

Terra da Oktoberfest, Munique deveria dispensar apresentações, mas nunca é demais lembrar que a Alemanha é o que é. E tamanha reputação não se consegue por acaso.

D