5 cidades brasileiras que vale a pena conhecer a pé

No Dia Mundial sem Carro, conheça algumas regiões do país para serem exploradas a partir de boas e longas caminhadas

São Paulo – Viajar é uma delícia e para não perder nenhum detalhe ao conhecer um novo destino, nada melhor do que desbravar a região a partir de longas caminhadas.

No Brasil, até mesmo por conta da geografia, muitas cidades turísticas se tornam mais interessantes quando exploradas a pé.

Na data em que se celebra o Dia Mundial sem Carro, o Booking.com, site especializado em viagens, selecionou – com a ajuda da avaliação de seus usuários – cinco cidades brasileiras que vale a pena conhecer a pé.

Se você pretende visitar algumas das regiões listadas em breve, a dica é: deixe o carro de lado, o meio ambiente agradece, e use um calçado bem confortável.

Veja a seguir a seleção:

Curitiba, Paraná

 (Booking/Divulgação)

Embora seja uma das maiores capitais do Brasil, Curitiba é uma cidade que vale a pena ser explorada a pé. Desde 2012, a prefeitura incentiva os visitantes a conhecerem os principais pontos turísticos sem carro. Existe, inclusive, um roteiro batizado de “Conheça Curitiba a pé”, que dá dicas de como explorar a região sem a necessidade de um automóvel. Mas se no final do dia o cansaço bater, o transporte público da cidade é um dos melhores do país.

Olinda, Pernambuco

 (WEB/Reprodução)

Olinda é uma cidade pequena que dispensa o uso de carro principalmente por conta de sua estrutura – a cidade possui inúmeras ladeiras de pedra. Deixar o carro de lado permite ao turista também ver de perto os detalhes da arquitetura da região, casinhas coloridas e casarões com mais de 300 anos são alguns dos destaques.

Penedo, Rio de Janeiro

 (Booking/Divulgação)

Penedo, no Rio de Janeiro, é também conhecida como a “Finlândia Brasileira” e essa fama não é à toa. A região é a principal colônia finlandesa do Brasil fora do sul do país e isso reflete na arquitetura da cidade, marcada por casinhas coloridas e muitas flores. A cidade abriga a Casa do Papai Noel, muitas fábricas de chocolates e tem a vegetação predominada por araucárias.

Ouro Preto, Minas Gerais

 (Song Wei Wei/Latinstock/Divulgação)

Assim como Olinda, Ouro Preto também possui estrutura que dificulta a circulação de carros. A cidade possui museus centenários, como o Museu da Independência. Já a arquitetura da cidade é extremamente rica em detalhes que só podem ser percebidos se vistos bem de perto.

Holambra, São Paulo

 (WEB/Reprodução)

O nome já diz tudo. Isso mesmo Holambra é uma cidade que pode fazer você se sentir na Holanda. Por lá, tudo lembra o país europeu, as flores, os moinhos, as casas e até as comidas. A cidade é conhecida como a capital nacional das flores e promove todos os anos a Expoflora – maior exposição de flores da América Latina.